Procedimentos para ativar a extração e o write-back de XMP no RedHat Linux de 64 bits

Problema

Após a modificação dos metadados de uma imagem nos AEM Assets, os metadados XMP não são gravados de volta na imagem.

No AEM (CQ) 5.5 e posterior, as alterações nos metadados de um ativo são gravadas no binário original como parte dos dados XMP. O fluxo de trabalho do write-back de Metadados AEM lida com esse processo. O fluxo de trabalho usa o fragmento Linux XMPWorker, que é um aplicativo executável nativo de 32 bits que o AEM executa no shell do sistema operacional.

Esse aplicativo também é usado para extrair de forma ideal os metadados XMP existentes de representações. Se o writeback falhar (retornar uma mensagem WARN no arquivo error.log do servidor) no Linux de 64 bits, o sistema operacional pode não ter o ambiente de tempo de execução dinâmico de 32 bits instalado para executáveis de 32 bits no Linux de 64 bits.

Solução

Para resolver o problema, instale as bibliotecas de 32 bits para o Red Hat Enterprise Linux ou CentOS.

Como alternativa, para o AEM 6.1 ou inferior, é possível instalar um arquivo JAR que inclua o binário de extração XMP de 64 bits para o Red Hat Enterprise Linux ou CentOS.

Observação:

Mesmo que o desejado seja extrair somente metadados, pular o procedimento pode reduzir o desempenho da instância do AEM durante a extração de metadados de tipos de arquivo como o PSD.

Para um desempenho ideal, a Adobe recomenda que o ambiente seja configurado corretamente para o XMPWorker.

Instalação de bibliotecas de 32 bits (AEM 6.0 ou inferior)

Em caso de execução do AEM 6.0 ou uma versão inferior, execute estas etapas para instalar o arquivo JAR contendo os binários de 64 bits na instância do AEM:

  1. Desinstale o pacote de fragmentos com.adobe.xmp.worker.files.native.fragment.linux da instância do AEM em execução no sistema Linux de 64 bits.

  2. Baixe o jar (files.native.fragment-1.0.4-linux64.jar) e instale no console da Web do Apache Felix http://<host>:<port>/system/console/bundles.

  3. Reinicie o AEM.

  4. Volte para o console da Web e garanta que o pacote com.adobe.xmp.worker.files.native.fragment.linux esteja ativo.

Instalação do ambiente de tempo de execução dinâmico de 32 bits (versões AEM acima de 6.0)

Para versões do AEM superiores a 6.0, execute estas etapas para instalar o ambiente de tempo de execução dinâmico de 32 bits para o Linux de 64 bits:

  1. Instale as libs de tempo de execução de 32 bits executando comandos do terminal do servidor (o glibc pode já estar instalado, mas, para garantir, o segundo comando é incluído). Por exemplo, para o RHEL, execute os seguintes comandos:

    • yum install ld-linux.so.2
    • yum install glibc.i686
    • yum install libuuid.i686

    Observação:

    Para evitar problemas com a instalação da biblioteca libuuid, execute o comando de upgrade yum antes de executar o comando yum install libuuid.i686. Para outros sistemas operacionais, execute os comandos upgrade/install equivalentes para buscar as bibliotecas de 32 bits.

  2. Reinicie o AEM.

  3. Para verificar se a configuração está correta, localize o XMPFilesWorker na pasta crx-quickstart e execute o comando:

    # ldd path/to/XMPFilesWorker

    Certifique-se de que a saída não tenha entradas "not found" para as dependências.