14 de agosto de 2012. Bem-vindo ao Adobe® Flash Player® 11.3 e ao AIR® 3.3. Esta versão inclui correções de erros relacionadas à estabilidade geral, a áudio e vídeo e ao desenvolvimento de aplicativos iOS.

Versões de lançamento atuais do Runtime

  • Flash Player Desktop 11.3.300.271

Novos recursos 

 N/D

Aprimoramentos de segurança 

Essa versão consiste em aprimoramentos de segurança confirme descrito no Boletim de segurança APSB 12-18

Problemas corrigidos 

N/D

Problemas conhecidos

  • Problemas de distorção de áudio ao fazer streaming de um conteúdo Flash (3212648)

Criação no Flash Player 11.3 

Para usar o novo Flash Player, você precisará direcionar para o SWF versão 16, passando em um argumento do compilador extra para o compilador Flex: -swf-version=16. As orientações estão abaixo.
Se estiver usando o SDK do Adobe Flex:

  • Baixe o novo playerglobal.swc para Flash Player 11.3
  • Faça o download do SDK Flex 4.5.1 (4.5.1.21328) da tabela do SDK Flex 4.5 SDK.
  • No Flash Builder, crie um novo projeto ActionScript: Arquivo -> Novo -> Projeto ActionScript.
  • Abra o painel Propriedades do projeto (clique com o botão direito do mouse e escolha 'Propriedades'). Selecione Compilador do ActionScript na lista à esquerda.
  • Use a opção 'Configurar SDKs Flex' no canto superior direito para apontar o projeto para o Flex compilação 21328. Clique em ok.
  • Configure seu projeto direcionado para SWF versão 16
  • Adicione à entrada "Argumentos de compilador adicionais": -swf-version=16. Isso garante que o SWF resultante seja direcionado para o SWF versão 16. Se compilar na linha de comando e não no Flash Builder, você precisará adicionar o mesmo argumento de compilador.
  • Certifique-se de ter instalado a nova compilação do Flash Player 11.3 em seu navegador.

Criação para o AIR 3.3

Atualização ao namespace do AIR 3.3
Para acessar as novas APIs e o novo comportamento do AIR 3.3, é necessário atualizar o arquivo descritor do aplicativo para namespace 3.3. Se o seu aplicativo não precisar do novo comportamento e das novas APIs do AIR 3.3, não será necessário atualizar o namespace. No entanto, recomendamos que todos os usuários comecem a usar o namespace AIR 3.3, mesmo que ainda não estejam aproveitando os novos recursos da versão 3.3. Para atualizar o namespace, altere o atributo xmlns no descritor do aplicativo para:

<application xmlns="http://ns.adobe.com/air/application/3.3">

Diretrizes de uso do recurso

Entrada do teclado para tela cheia
Para permitir entrar em tela cheia com o modo de teclas, um novo parâmetro / tag, allowFullScreenInteractive, deve ser adicionado ao HTML contido. Esse parâmetro redefine para o valor padrão false, ou seja, não permitir entrar em tela cheia com teclas. Para ativar a tela cheia com teclas, defina allowFullScreenInteractive para "true" e a tag da seguinte maneira:

<object classid=”"clsid:d27cdb6e-ae6d-11cf-96b8-444553540000" codebase="http://fpdownload.macromedia.com/pub/shockwave/cabs/flash/swflash.cab#version=9,0,18,0"
 width="600"  height="400" id="fullScreen" align="middle">

   <param name=”allowFullScreenInteractive” value=”true” />
   <param name=”movie” value=”fullScreenInteractive.swf” />

   <embed src=”fullScreen.swf” allowFullScreen=”true” width=”600” height=”400” name=”fullScreen” align=”middle” type=”application/x-shockwave-flash” pluginspage=”http://get.adobe.com/flashplayer/” />

</object>

Esse recurso pode ser desativado em mms.cfg definindo FullScreenInteractiveDisable = 1, da seguinte maneira:

FullScreenInteractiveDisable=1 

API do ActionScript relacionada:

flash.display.Stage.getAllowsFullScreenInteractive();
flash.display.StageDisplayState
flash.events.FullScreenEvent

Streaming de textura

O Streaming de textura é um novo recurso para o Stage3D que oferece a capacidade de carregar texturas de qualidade mais baixa e grosseira e então melhorá-las progressivamente conforme mais dados estejam disponíveis.

function createCubeTexture( size:int, format:String, optimizeForRenderToTexture:Boolean, streamingLevels:int=0):CubeTexture
function createTexture( width:int, height:int, format:String, optimizeForRenderToTexture:Boolean, streamingLevels:int=0 ):Texture;

Um parâmetro opcional adicional, streamingLevels, foi adicionado às funções createTexture e createCubeTexture. Se esse parâmetro não for 0, o streaming será ativado para essa textura. O valor máximo é log2(máx(largura, altura)) para texturas 2D e log2(tamanho) para texturas de mapa cúbico. Um valor maior causará a falha da criação da textura com uma exceção de erro do ActionScript. As texturas que permitem o streaming não podem ser usadas para renderizar texturas e o sinalizador optimizeForRenderToTexture é ignorado.

As texturas ativadas para streaming têm uma penalidade potencial no uso de memória de até 50% de tamanho adicional, bem como uma penalidade potencial na velocidade de upload. Quando uma textura estiver totalmente carregada, ela não poderá ser transmitida novamente com um conteúdo diferente. Se uma textura for marcada como streaming, será considerada completa e pronta para renderização quando todo o nível mip acima, incluindo o valor streamingLevels, é carregado. O carregamento de texturas não é alterado.

Exemplo:

[Embed( source = "MipLevel9.jpg" )]
var MipLevel9:Class;
var context3D:Context3D;
var texture:Texture;

stage.stage3Ds[0].addEventListener(Event.CONTEXT3D_CREATE, createdHandler);
stage.stage3Ds[0].requestContext3D(Context3DRenderMode.AUTO);

function createdHandler(e:Event) {
            context3D = stage.stage3Ds[0].context3D;
            //set streaming levels to 9, a 1x1 mip level for a complete texture size of 512 (Mip level 0 =512, Mip level 9 = 1)
            texture = context3D.createTexture(512,512,Context3DTextureFormat.BGRA,false, 9);
            var mip9:Bitmap = new MipLevel9();
            texture.uploadFromBitmapData(mip9.bitmapData,9);
}


BitmapData.drawWithQuality
No passado, a qualidade do palco teria que ser alterada para mudar a qualidade do BitmapData.draw. BitmapData. drawWithQuality é uma extensão de BitmapData.draw que adiciona um parâmetro opcional para especificar a qualidade da renderização do vetor.

function drawWithQuality(source: IBitmapDrawable, matrix:Matrix=null, colorTransform: ColorTransform =null, blendMode:String=null, clipRect:Rectangle=null, smoothing:Boolean=false, quality:String=null): void

Estes são os valores de qualidade suportados:

  • StageQuality.LOW
  • StageQuality.MEDIUM
  • StageQuality.BEST
  • StageQuality.HIGH_8X8_LINEAR
  • StageQuality.HIGH_16X16
  • StageQuality.HIGH_16X16_LINEAR

BitmapData.encode


BitmapData.encode permite a compressão nativa de um objeto BitmapData em PNG, JPEG e JPEG XR. Isso permite que os desenvolvedores alcancem a velocidade nativa para compactação de imagem em runtime, muito valiosa em dispositivos móveis.

function encode(rect:Rectangle,EncoderOptions :Object, byteArray: ByteArray = null): ByteArray;
Os objetos EncoderOptions suportados são os seguintes:

// compress bitmap data as a JPEG file
var bitmapData:BitmapData = new BitmapData(640,480,false,0x00FF00);
var byteArray:ByteArray = new ByteArray();
bitmapData.encode(new Rectangle(0,0,640,480), new JPEGCompressOptions(), byteArray);
// Display the bitmap we just encoded
var loader:Loader = new Loader();
loader.loadBytes(byteArray);
addChild(loader); 

String de falha de hardware em Context3D.driverinfo

Esse recurso fornece informações sobre Context3D.driverInfo quando o conteúdo Stage3D não puder ser acelerado por hardware. Context3D.driverInfo incluirá uma das seguintes sequências de caracteres porque o Stage3D está retornando ao software.

  • Software Hw_disabled=userDisabled

A caixa de seleção da configuração de aceleração de hardware nas configurações de interface de usuário está desativada e Stage3D é renderizado usando o software.

  • Software Hw_disabled=oldDriver

A placa gráfica do hardware é colocada na lista negra devido a um problema conhecido e o Stage3D é renderizado usando o software. Será corrigido com a atualização do driver.

  • Software Hw_disabled=unavailable

Não foi possível usar a renderização de hardware devido a capacidade do driver, bloqueio geral ou por alguma falha na inicialização de gráficos de hardware, e o Stage3D foi renderizado com o uso de software.

  • Software Hw_disabled=explicit

O conteúdo solicita uma renderização de software explicitamente através de requestContext3D e o Stage3D é renderizado usando o software


Aprimoramentos da taxa de proporção

Com o AIR 3.3, o problema em que o tempo de execução ignorava a taxa de proporção especificada foi resolvido. A orientação do palco será limitada a apenas duas orientações com rotação do dispositivo, caso aspectRatio esteja definido e autoOrients seja true (dependendo do valor aspect-ratio, a orientação landscape-left e landscape-right ou a orientação portrait e portrait-upside-down deve ser suportada).

Uma nova constante StageAspectRatio denominada ANY foi adicionada. StageAspectRatio.ANY pode ser usada para obter a orientação automática do palco em todas as orientações do dispositivo com autoOrients definido como true. Esse será o comportamento padrão quando a tag aspectRatio estiver ausente no descritor do aplicativo.

Depuração de USB para AIR iOS
Primeiro, empacote o aplicativo com uma opção -listen adicional, o que garante que o aplicativo detecte uma conexão do fdb na inicialização.

adt -package -target (ipa-debug-interpreter | ipa-debug) -listen (número de porta opcional) -provisioning-profile xyz.mobileprovision -storetype pkcs12 -keystore Certificates.p12 -storepass pass123 OutputFile.ipa InputFile-app.xml InputFile.swf

Por padrão, o aplicativo escuta na porta 7936. É possível especificar qualquer porta de sua escolha.

adt -package -target (ipa-debug-interpreter | ipa-debug) -listen 16000 xyz.mobileprovision -storetype pkcs12 -keystore Certificates.p12 -storepass pass123 OutputFile.ipa InputFile-app.xml InputFile.swf

2) Quando o aplicativo for empacotado como um ipa, instale-o e inicie-o no dispositivo.

3) Execute o binário idb disponível em SDK_LOCATION/lib/aot/idb com -devices como parâmetro. Retornará a lista de dispositivos conectados ao desktop junto com seus DEVICE_HANDLES.

idb -devices

4) Agora, alguma porta do desktop precisa ser encaminhada à porta do dispositivo que está detectando a conexão.

idb -forward LOCAL_PORT REMOTE_PORT DEVICE_HANDLE

LOCAL_PORT refere-se à porta em seu desktop. Pode ser qualquer número de porta de sua escolha, de preferência maior do que 8000.

O REMORT_PORT é o número da porta que você mencionou no comando de empacotamento. Se você não tiver mencionado nenhuma porta no empacotamento, por padrão, seu aplicativo escutaria na porta 7936.

O DEVICE_HANDLE para o dispositivo é aquele que foi obtido na etapa 3.

5) Agora, inicie o fdb usando o comando a seguir.

fdb -p LOCAL_PORT

6) Ele iniciará o depurador do fdb. Digite “r” na linha de comando para iniciar a sessão de depuração.

Observação: o idb oferece outro parâmetro, chamado de ‘stopforward’, que pode ser usado para parar o encaminhamento de porta. Isso, entretanto, só funciona até a sessão do fdb ser estabelecida.

idb -stopforward LOCAL_PORT

Atualmente, esse recurso não é suportado no Flash Builder.

Comportamento aprimorado em segundo plano para AIR iOS
O suporte ao segundo plano agora se assemelha mais aos aplicativos nativos no iOS. Além do suporte básico de áudio multitarefa e em segundo plano que já é ativado com o AIR para iOS, os aplicativos agora podem oferecer suporte a atualizações de localização e rede em segundo plano, bem como ser notificados quando um aplicativo em segundo plano está a ponto de ser suspenso pelo sistema operacional.
Para isso, algumas novas Tags e um Evento foram adicionados. Para oferecer suporte a atualizações de localização em segundo plano, inclua o seguinte na tag do iPhone no descritor do aplicativo AIR:

<iPhone>
<InfoAdditions>
<![CDATA[
<key>UIBackgroundModes</key>
<array>
<string>location</string>
</array>
]]>
</InfoAdditions>
</iPhone> 

Se seu aplicativo especificar essa tag e entrar em segundo plano, o reprodutor continuará a ser executado a 4qps. No entanto, todas as atualizações de tela (chamadas de renderização, chamadas OpenGL) serão desativadas.
A chave UIBackgroundModes suporta "location" e "audio" simultaneamente, caso o aplicativo precise gerar áudio e rastrear o local ao mesmo tempo (por exemplo, para um aplicativo de navegação curva a curva).
O iOS fornece um mecanismo para executar pequenas tarefas em segundo plano. No entanto, o iOS não garante que a tarefa será executada, apenas que continuará a trabalhar um pouco mais na tarefa em nome do usuário. Há um limite no tempo que essas tarefas em segundo plano podem manter a execução do aplicativo.(aproximadamente 10 minutos)

Se o autor do aplicativo especificar a propriedade executeInBackground para TRUE/FALSE, o valor será selecionado e o aplicativo se comportará de acordo. Atualmente, quando o aplicativo entra em segundo plano, o evento Desativar (Deactivate) é disparado, independentemente de o aplicativo ter sido suspenso ou não. Para fornecer ao aplicativo informações mais específicas, o evento Suspender (Suspend) será enviado ao aplicativo quando estiver a ponto de ser suspenso, permitindo o comportamento apropriado do aplicativo.
No iOS, para conservar a vida útil da bateria, o reprodutor será limitado (a 4qps) sempre que o aplicativo optar por ser executado em segundo plano.

Suporte ao simulador
Como o simulador no iOS é x86, dois novos destinos foram adicionados no ADT para ele. Observe que o Empacotamento do simulador é suportado apenas no modo intérprete.

Os destinos são:

1.) ipa-test-interpreter-simulator
2.) ipa-debug-interpreter-simulator

Para iniciar o teste do seu aplicativo no simulador, não é preciso obter um certificado de desenvolvedor da Apple (que é um processo demorado) ou criar perfis de provisionamento antes de iniciar o desenvolvimento de um aplicativo do AIR. (Um certificado de p12, que pode ser criado pelo próprio usuário, seria suficiente)

Para empacotar o aplicativo para o simulador, execute os comandos a seguir.

Destino do interpretador

adt -package -target ipa-test-interpreter-simulator -storetype pkcs12 -keystore Certificates.p12 -storepass password Sample_ipa_name sample_ipa-app.xml sample_ipa.swf

Destino da depuração

adt -package -target ipa-debug-interpreter-simulator -storetype pkcs12 -keystore Certificates.p12 -storepass password Sample_ipa_name sample_ipa-app.xml sample_ipa.swf

*Para instalar o aplicativo no simulador *

adt -installApp -platform ios -platformsdk (caminho para o sdk como /Developer/Platforms/iPhoneSimulator.platform/Developer/SDKs/iPhoneSimulator5.0.sdk) -device ios-simulator -package Sample_ipa_name.ipa

*Para iniciar o aplicativo no simulador *

adt -launchApp -platform ios -platformsdk (caminho para o sdk como /Developer/Platforms/iPhoneSimulator.platform/Developer/SDKs/iPhoneSimulator5.0.sdk) -device ios-simulator -appid

Sample_ipa_name

Para testar a extensão nativa no simulador, foi adicionado o suporte a um novo nome de plataforma (iPhone-x86) a extension.xml
Observe que todos os comandos para empacotar a extensão nativa permanecerão iguais, mas o arquivo library.a necessário do XCode deve ser compilado somente para o simulador

extension.xml teria a seguinte aparência

<extension xmlns="http://ns.adobe.com/air/extension/3.1">
<id>com.cnative.extensions</id>
<versionNumber>1</versionNumber>
<platforms>
<platform name="iPhone-x86">
<applicationDeployment>
<nativeLibrary>library.a</nativeLibrary>
<initializer>TestNativeExtensionsInitializer </initializer>
<finalizer>TestNativeExtensionsFinalizer </finalizer>
</applicationDeployment>
</platform>
</platforms>
</extension>

Requisitos do sistema

Para saber mais sobre os requisitos de sistema atuais do Flash Player, visite http://www.adobe.com/br/products/flashplayer/systemreqs/

Para saber mais sobre os requisitos de sistema atuais do AIR, visite http://www.adobe.com/br/products/air/systemreqs/

Para saber mais sobre os requisitos de sistema atuais do Flash Access (cliente e servidor), acesse http://www.adobe.com/br/products/flashaccess/systemreqs/

O Flash Player 11.3 possui os seguintes requisitos mínimos do sistema:

 

Windows®

Macintosh  

Processador

Processador compatível com x86 de 2.33 Ghz ou mais rápido, ou processador Intel® Atom™ 1.6 GHz ou mais rápido para netbooks

Processador Intel® Core™ Duo 1.83 GHz ou mais rápido

Sistema operacional 

Microsoft® Windows® XP (32-bit), Windows Server® 2003 (32 bits), Windows Server® 2008 (32 bits), Windows Vista® (32 bits), Windows 7® (32 bits e 64 bits)

Mac OS® X 10.6 e Mac OS X 10.7

Navegador

Internet Explorer 7.0 e posterior, Mozilla Firefox 4.0 e posterior, Google Chrome, Safari 5.0 e posterior, Opera 11

Safari 5.0 e posterior, Mozilla Firefox 4.0 e posterior, Google Chrome, Opera 11

Memória

128 MB de RAM (1 GB de RAM recomendado para netbooks), 128 MB de memória gráfica

256 MB de RAM, 128 MB de memória gráfica

AIR 3.3 possui os seguintes requisitos mínimos do sistema:

 

Windows®

Macintosh  

AndroidTM

iOS

Hardware do processador/dispositivo

Processador compatível com x86 de 2.33GHz ou mais rápido ou processador Intel Atom™ 1.6GHz ou mais rápido para netbooks

Processador Intel® Core™ Duo 1.83 GHz ou mais rápido

Processador ARMv7 com FPU de Vetor, mínimo de 550 MHz, OpenGL ES2.0, Decodificadores H.264 & AAC H/W

iPod touch (3ª geração) modelos 32 GB e 64 GB, iPod touch 4, iPhone GS, iPhone 4, iPad, iPad 2

Sistema operacional 

Microsoft® Windows® XP, Windows Server® 2003, Windows Server® 2008, Windows Vista® Home Premium, Business, Ultimate, ou Enterprise (incluindo edições de 64 bits) com Service Pack 2, ou Windows 7

Mac OS® X 10.6 e 10.7

AndroidTM 2.2, 2.3, 3.0, 3.1, 3.2 e 4.0

iOS 4.2 e superior

RAM

512 MB de RAM (recomendável 1 GB)

512 MB de RAM (recomendável 1 GB)

256 MB de RAM 

 -

Problemas de relatório

Encontrou um erro? Envie um erro ao banco de dados de falhas do Flash Player e Adobe AIR.

O Flash Player e o AIR podem alavancar seu hardware gráfico para decodificar e reproduzir vídeo H.264. Pode haver problemas de vídeo que só podem ser reproduzidos com seu hardware gráfico e driver específicos. Ao relatar um problema envolvendo vídeo, é importante anotar seu hardware gráfico e driver, junto com seu sistema operacional e navegador (ao usar Flash Player), para que possamos reproduzir e investigar os problemas. Certifique-se de incluir essas informações conforme descrito em Instruções para reportar problemas de reprodução de vídeo. Observação: Devido ao alto volume de emails que recebemos, não é possível respondermos a cada solicitação.

Obrigado por usar o Adobe® Flash Player® e o AIR® e por dedicar seu tempo a nos enviar seu feedback!

 

Histórico de versão do Runtime

Data de lançamento

Versão(ões) do Runtime

Novos recursos 

Aprimoramentos de segurança 

Problemas corrigidos 

21 de junho de 2012
Somente plug-in do Flash Player 11.3.300.262 para Windows
N/D N/D Os usuários obtêm falhas ao visualizar conteúdo Flash no Firefox no Windows (3211153)

8 de junho de 2012

Flash Player Desktop 11.3.300.257
AIR Desktop 3.3.0.3650
AIR Android 3.3.0.3650
AIR SDK 3.3.0.3650

Desktop:
Entrada do teclado em tela cheia para o Flash Player
Suporte o áudio de baixa latência para streaming de áudio por meio do NetStream
Suporte a áudio de baixa latência para a API de áudio
Modo protegido para o Firefox (somente Windows®)
Streaming de textura
Atualizador em segundo plano para Mac
Eventos Framelabel
Bitmapdata.drawwithQuality
BitmapData.encode
Evento ReleaseOutside
Introspecção de classes do Runtime
Suporte melhorado à App Store do Apple MacOS

AIR Mobile:
Suporte ao SDK da plataforma para iOS no Windows®
Suporte a Stylus para dispositivos AndroidTM 4.0
Depuração de USB para AIR iOS
Comportamento aprimorado em segundo plano para AIR iOS
Suporte ao simulador para iOS
Aprimoramentos na taxa de proporção

APSB-14

[Stage 3D para Desktop] O conteúdo do Starling renderiza em um local errado no iOS (3153467)
A renderização no iOS trava em alguns aplicativos ao usar o modo de renderização da GPU (3124838)
As configurações de qualidade de suavização de borda não são respeitadas em rendermode=gpu(3124862)
[Stage3D] No Mac com Intel HD 3000, o retângulo de tesoura não está definido corretamente (2959500)
Usando o Mouselock no navegador Chrome no Windows 7, o movimento x/y retorna valores absolutos em vez de valores relativos (3152175)
Problema de latência de áudio quando várias instâncias do Flash estão abertas em um navegador (3084306)
Problema de tela verde na reprodução de vídeo (3050372)

Esta obra está licenciada sob uma licença não adaptada da Creative Commons Attribution-Noncommercial-Share Alike 3.0  As publicações do Twitter™ e do Facebook não são cobertas pelos termos do Creative Commons.

Avisos legais   |   Política de privacidade online