Notas de versão do Flash Player 23 e AIR 23

Bem-vindo às notas de versão do Flash Player e do AIR 23.

11 de outubro de 2016

No lançamento programado para hoje, atualizamos o Flash Player com importantes correções de erros e atualizações de segurança.

 

13 de setembro de 2016

No lançamento programado para hoje, atualizamos o Flash Player e o AIR com importantes correções de erros, atualizações de segurança e novos recursos.


Atualização para o Flash Player

Os clientes atuais do Flash Player que se inscreveram no mecanismo de atualização “Permitir que a Adobe instale as atualizações (recomendado)” receberão a atualização para a versão mais recente do Flash Player dentro de 24 horas após o lançamento.

Os usuários que selecionaram a opção “Notificar-me antes de instalar atualizações” verão uma caixa de diálogo de notificação da atualização dentro de 7 dias após o lançamento. Observe que os usuários do Windows precisarão reiniciar o sistema ou sair e fazer logon novamente para ativar a caixa de diálogo de notificação da atualização.

A versão mais recente do Flash Player pode ser baixada e instalada a qualquer momento. Basta acessar https://get.adobe.com/br/flashplayer

Os clientes que utilizam o Google Chrome, Windows 8.x/10, Internet Explorer ou Microsoft Edge receberão a atualização por meio dos mecanismos de atualização do Google e da Microsoft.


Como entrar em contato conosco

Esperamos que você aproveite esta versão. Se tiver qualquer problema, avise-nos publicando questões em nosso banco de dados público de falhas. Para obter ajuda com a instalação ou uso, visite nossos fóruns da comunidade para obter assistência.

Banco de dados de falhas Adobe - https://bugbase.adobe.com
Fóruns do Flash Player - http://forums.adobe.com/community/flashplayer
Fóruns do AIR - http://forums.adobe.com/community/air

Anúncios

O Adobe Access é suportado no Android de duas formas: com streams HLS como parte do Adobe Primetime TVSDK e sem suporte a HLS, como parte do Adobe AIR no Android. A partir da versão 21, o Adobe AIR deixará de ser compatível com o Adobe Access. As pessoas que desejam usar o Adobe Access no Android devem entrar em contato com um representante de conta da Adobe para descobrir como se tornar um licenciado do Adobe Primetime pois, em uma versão futura, o Adobe AIR deixará de ser compatível com o Access, e o Primetime TVSDK será a única maneira de usar o Adobe Access no Android.

Problemas corrigidos

11 de outubro de 2016

Flash Player

  • [Mac]O Flash player fecha inesperadamente ao jogar Forge of Empires no Firefox(4190467
  • [Chrome]Ctrl+C e Ctrl+V não funciona com CAPS LOCK LIGADO em flex (4186251)
  • [WinXP/Vista][PPAPI] Erro “Não foi possível carregar o plug-in” ao tentar visualizar conteúdo em Flash no Opera e Chromium (4186169)
     

13 de setembro de 2016

Flash Player

  • Aplicativo com o ActiveX (f-in-box) incorporado apresenta problemas (4176988)

AIR

  • [iOS] Compilação ld-64 com falha ao compactar o aplicativo com vários swf e ANE (4182822)
  • [iOS] Capabilities.screenDPI fornece um valor incorreto no simulador AIR 22 (4157457)
  • [iOS] Context3D.drawToBitmapData usa o deslocamento incorreto em dispositivos móveis (4147414)
  • [iOS] TextField com TextFieldType.INPUT corta uma parte do texto no lado esquerdo ao focalizar (4009346)
  • [iOS] StageWebView faz o aplicativo falhar (4180325)
  • [Android] Processamento de vídeo MP4 totalmente danificado no Air 22 em todas as versões do Android (4167492)
  • [Android] Os estados de Tela cheia devem usar o modo imersivo no Android 4.4+ (4100625)
  • [Android] Biblioteca OpenSSL atualizada para a versão 1.0.2h
  • [iOS] App usando simultaneidade fecha quando uma classe é instanciada no .swf de trabalho (4067035)
  • [iOS] O Rolo da Câmera no iOS retorna arquivos Bitmap em uma orientação incorreta (4070057)
  • [iOS] [Windows] Erro, de erro: na seção __TEXT,__text reloc 153: R_ABS reloc é movido, mas há nenhum símbolo absoluto no endereço de destino da arquitetura arm64 ao compactar o Aplicativo com Social.ane usando o sinalizador -hideAneLibSymbols yes (4005515)
  • [iOS] sharedobjects falha no caso de pouco espaço de armazenamento disponível (3711301)
  • TextField contextMenu exibido com deslocamento em telas HiDPI (4177810)

Novos recursos

Suporte Mozilla NPAPI AsyncDrawing

Async Drawing se refere ao método que o navegador e o Flash Player usam para trocar uma superfície de bitmap na qual o Flash Player desenha o conteúdo SWF. É usado apenas quando o estágio é composto com o restante do conteúdo na janela do navegador. Esse recurso permite que o wmode “direct” (wmode opaco e transparente) se comporte como “windowless” no desenho assíncrono acelerado no hardware. Não é usado no modo de tela inteira ou no modo em janela no qual o plug-in desenha diretamente em sua própria janela. Se o desenho assíncrono não estiver disponível por qualquer razão, o plug-in volta a usar o modelo de desenho síncrono existente.

AsyncDrawing é suportado apenas no NPAPI Plugin em plataformas Windows para desktop. Está disponível atualmente na versão FP 23.0 no Firefox Nightly 51.0a1; as versões do Firefox com suporte ao recurso ainda serão anunciadas. A escolha de que caminho de Async Drawing é usado (hardware ou software) depende se o navegador oferece suporte aos modos Async Drawing de hardware ou software.

Para desativar o suporte a AsynchronousDrawing no Firefox, vá para “about:config” na barra de pesquisa do navegador e configure “dom.ipc.plugins.asyncdrawing.enabled” como false.

 

 

Suporte a HSTS no Flash Player

A partir do Flash Player 23, introduzimos o suporte a HSTS (HTTP Strict Transport Security). HSTS é um padrão IETF, que aplica os agentes de usuário (navegadores) que devem usar HTTPS para comunicação em vez de HTTP. A resposta HTTPS pode ter um campo de cabeçalho Strict-Transport-Security(STS) que solicita que o agente de usuário faça novas solicitações em HTTPS. O Flash Player agora reconhecerá o cabeçalho STS na resposta HTTPS.

Isso será particularmente útil quando um SWF chamar outro SWF (SWF filho) que está presente no servidor habilitado para HSTS. O Flash Player reconhecerá o cabeçalho STS na resposta, e outras solicitações para o mesmo domínio serão sempre HTTPS. Esse recurso será útil na mitigação de ataques de sequestro de protocolo e de cookie.

 

 

Desativar acesso local-with-filesystem no Flash Player por padrão

A partir do Flash Player 23, as permissões local-with-network serão aplicadas a todo o conteúdo SWF local, independentemente da preferência escolhida no momento da compilação.

Segundo plano:
ao reproduzir conteúdo Flash (SWF) do sistema de arquivos local, os desenvolvedores foram capazes, historicamente, de configurar o conteúdo para ler exclusivamente do sistema de arquivos ou se comunicar com a rede. Quando essa funcionalidade foi apresentada há mais de uma década, ela permitiu uma matriz interessante de casos de uso, desde simples jogos até quiosques interativos. No contexto da segurança moderna da Web, acreditamos que é o momento de aposentar a funcionalidade de sistema de arquivos local no plug-in do navegador. Ao mesmo tempo, o Adobe AIR foi estabelecido como uma solução robusta e madura para oferecer conteúdo baseado em ActionScript como um aplicativo independente.

A grande maioria dos usuários e do conteúdo do Flash Player não será afetada por essa alteração. Essa alteração afeta apenas o conteúdo Flash reproduzido pelo sistema de arquivos local usando o navegador. O conteúdo do Flash hospedado na Internet e em servidores da Web locais, assim como o Flash Player independente permanece não afetado. Se você é um usuário que precisa dessa funcionalidade, esses arquivos podem ser adicionados à lista de locais confiáveis no Flash Player.

Alternativas para conteúdo herdado:
é altamente recomendável que você contorne esses controles apenas para permitir conteúdo de fontes confiáveis.

Para indivíduos
Para Internet Explorer, Edge, Firefox, Opera e Safari:
No sistema afetado, acesse o Gerenciador de configurações do Flash Player:
• Mac: Preferências do sistema > Flash Player
• Windows: Painel de Controle > Flash Player
Selecione a guia Avançado
Na seção Ferramentas de desenvolvedor, clique no botão Configurações de locais confiados
Clique no botão "Adicionar..." e adicione arquivos e pastas relevantes à lista


Para Google Chrome (e outros navegadores PPAPI):

Navegue até a página Gerenciador de configurações
Escolha Editar locais > Adicionar locais da lista pop-up
No campo de texto que é exibido, digite ou cole o caminho do arquivo ou da pasta que você gostaria de confiar
Clique no botão “Confirmar”
Observação: os botões “Procurar arquivos” e “Procurar pasta” não funcionam corretamente. Deve-se digitar manualmente ou copiar/colar o caminho no campo de texto acima dos botões para adicionar o arquivo ou pasta à lista confiável.

Para Administradores de sistema:
o comportamento herdado pode ser restaurado aplicando o sinalizador EnableInsecureLocalWithFileSystem=1 a mms.cfg.

 

 

Suporte a vídeo e câmera para Stage3D por VideoTexture for Flash Player (Versão)

No Flash Player 20 ou anterior, o uso de vídeo no Stage3D precisava do objeto Vídeo, que não é acelerado por hardware. Consistia-se em copiar o quadro de vídeo para um objeto BitmapData e carregar dados no GPU, o que consumia muitos recursos da CPU.

Para lidar com essa limitação, o objeto de textura de vídeo foi introduzido. Isso permite usar o vídeo decodificado no hardware no conteúdo do Stage 3D. Além disso, para estender esse recurso na versão Flash Player 23, foram introduzidos objetos de textura para suportar o uso de NetStream e Câmeras de forma semelhante ao uso do StageVideo. Essas texturas podem ser usadas como texturas de origem no pipeline de renderização do stage3D. Você pode usá-las como texturas retangulares, RGB ou sem mipmap na renderização de uma cena. Elas são tratadas como textura ARGB pelos sombreadores, o que indica que os sombreadores AGAL não precisam se preocupar com a conversão de YUV em RGB agora. Os sombreadores tratam essas texturas como texturas ARGB. Isso permite que você use os sombreadores padrão com imagens estáticas sem precisar modificar. Quando você renderiza usando essas texturas, a imagem que é usada pelo pipeline de renderização é o quadro mais recente no momento. Ainda que não haja rompimentos no quadro do vídeo, se você usar a mesma textura muitas vezes, algumas dessas instâncias podem ser coletadas de momentos diferentes.

Com o uso de um objeto VideoTexture, todo esse trabalho é otimizado internamente; a conversão de YUV em RGB e o carregamento de textura podem ser movidos totalmente para o GPU. Consulte o Artigo VideoTexture devnet para obter detalhes de implementação.

Observação: a textura de vídeo é um recurso existente no AIR. Foi apresentado na versão AIR 17.0.

 

 

API GameInput para iOS

A partir do AIR 23, estamos oferecendo suporte à API GameInput para iOS. A API GameInput é uma interface que permite que os aplicativos se comuniquem com Controladores de jogo conectados. Há diferentes tipos de Controladores de jogo, dependendo do número de controles. Esta API permite que um aplicativo obtenha todas as informações relacionadas ao Controlador de jogo.
O suporte à API GameInput já estava disponível para Android. No iOS, é necessário a versão mínima 34 do swf. Esta API é compatível com dispositivos com iOS versão 9.0 ou superior.

Exemplo da API GameInput:

{
trace("GameInput.isSupported - "+ GameInput.isSupported);
trace("GameInput.numDevices - "+ GameInput.numDevices);

gameInput = newGameInput();
gameInput.addEventListener(GameInputEvent.DEVICE_ADDED, inputDeviceAddedEvent);
gameInput.addEventListener(GameInputEvent.DEVICE_REMOVED, inputDeviceRemovedEvent);

functioninputDeviceRemovedEvent(e:GameInputEvent):void
{
trace("inputDeviceRemovedEvent - "+ e.device);
}

functioninputDeviceAddedEvent(e:GameInputEvent):void
{
trace("inputDeviceAddedEvent - "+ e.device);
getDeviceInformation(e.device);
}

functiongetDeviceInformation(device:GameInputDevice):void
{
trace("device.enabled - "+ device.enabled);
trace("device.id - "+ device.id);
trace("device.name - "+ device.name);
trace("device.numControls - "+ device.numControls);
trace("device.sampleInterval - "+ device.sampleInterval);

for(vari:Number=0; i < device.numControls; i++)
{
varcontrol:GameInputControl = device.getControlAt(i);
getControlInformation(control);
control.addEventListener(Event.CHANGE, changeEvent);
}
}

functionchangeEvent(e:Event):void
{
varcontrol:GameInputControl = e.target asGameInputControl;
getControlInformation(control);
}

functiongetControlInformation(control:GameInputControl):void
{
trace("control.device - "+ control.device);
trace("control.value - "+ control.value);
trace("control.minValue - "+ control.minValue);
trace("control.maxValue - "+ control.maxValue);
trace("control.id - "+ control.id);
}

}

 

 

Cancelamento de eco no AIR para Android
Começando no AIR 23, apresentamos o cancelamento de eco no AIR para Android. O eco acústico acontece quando o alto-falante retorna para a entrada incorporada de microfone, produzindo artefatos de eco perturbadores e reduzindo significativamente a qualidade dos dados capturados.

O eco acústico acontece em aplicativos de colaboração, nos quais duas ou mais partes podem realizar conversas interativas. A partir dessa versão, os desenvolvedores podem desenvolver aplicativos VOIP sem eco usando o AIR no Android.

Observação: esse recuso já está presente no AIR para desktop e na Plataforma iOS. Para obter mais informações, consulte Microfone - AS3.

As seguintes alterações são necessárias no código de script de ação:

Microphone.getEnhancedMicrophone

Para obter acesso ao microfone do dispositivo, usamos Microphone.getMicrophone(). No entanto, essa API retorna um microfone simples, que não tem a capacidade de eliminar eco acústico. Para remover o eco acústico, os desenvolvedores precisam obter uma instância do microfone usando a API: Microphone.getEnhancedMicrophone(). O microfone do dispositivo retornado por essa API tem o recurso de cancelamento de eco acústico ativado.

Requisitos

- Adicione a seguinte tag nas adições do manifesto Android:
<uses-permission android:name="android.permission.MODIFY_AUDIO_SETTINGS" />

- Poderá haver swfs pré-existentes que usam o microfone. getEnhacedMicrohone () API (por já estar presente e funcionando em aplicativos AIR). Se esses arquivos swf forem compatactados com o AIRSDK mais recente (versão 23), o recurso não funcionará. Os desenvolvedores precisam recompilar o swf com swf-versão 34 ou superior.

Fragmento de amostra
Aqui está o fragmento de código de exemplo neste cenário:

public function Microphoe()
{
mic = Microphone.getEnhancedMicrophone();
mic.gain=60;
mic.rate =22;
mic.addEventListener(StatusEvent.STATUS, mic_status);
}

Limitações
O cancelamento do eco acústico pode não funcionar em alguns dispositivos (como o Moto G2) devido às limitações de hardware.

A API MicrophoneEnhancedOptions (presente no AIR para desktop) não será uma opção no AIR para Android.

O desempenho do recurso pode variar dependendo do tratamento do hardware em relação ao cancelamento de eco de diferentes dispositivos Android. Para os dispositivos que não suportam o cancelamento de eco no nível de hardware, o AIR lidará com o cancelamento de eco pelo lado do software.

Os efeitos acústicos da classe microphone variarão de acordo com o dispositivo. Como a família Android tem dispositivos com diferentes configurações de hardware, as mesmas configurações de áudio terão um impacto diferente em diferentes dispositivos. Por exemplo, um desenvolvedor pode precisar usar "mic.gain = 70;" no Samsung Note 4 para uma saída alta da voz.

 

 

O botão limpar StageText agora é opcional no iOS

Durante a criação de um objeto StageText no iOS, uma opção de botão limpar está disponível por padrão para os desenvolvedores. A partir do AIR 23, um novo recurso foi apresentado, que torna o botão limpar StageText opcional. Isso oferece mais flexibilidade para os desenvolvedores ao usar o StageText. Nas versões anteriores, o objeto StageText era criado com um botão limpar integrado.

Para implementar esse recurso, as seguintes alterações são necessárias no código ActionScript:

stageText.clearButtonMode
Para obter acesso ao suporte do botão limpar opcional, desenvolvedores AS agora podem usar uma propriedade clearButtonMode para ajustar diferentes modos. Há quatro modos associados a essa propriedade:

Para mostrar clearButton durante a edição: StageTextClearButtonMode.WHILE_EDITING

Para nunca mostrar clearButton: StageTextClearButtonMode.NEVER

Para sempre mostrar clearButton: StageTextClearButtonMode.ALWAYS

Para mostrar clearButton a não ser que esteja editando: StageTextClearButtonMode.UNLESS_EDITING

Por padrão, a propriedade clearButtonMode é configurada como StageTextClearButtonMode.WHILE_EDITING.

Requisitos

O aplicativo precisa ser empacotado com a versão mais recente do SDK do AIR (versão 23).

A versão do SWF deve ser 34 ou posterior.

Fragmento de amostra

Você pode usar esse fragmento de código de exemplo para sua referência.

public function ClearButtonMode()
{
label = new StageText();
label.clearButtonMode = StageTextClearButtonMode.NEVER;
label.textAlign = "right";
label.stage = stage;
label.viewPort = new Rectangle(20, 20, 90, 90);
}

Limitações para uso da propriedade stageText.clearButtonMode

Esta propriedade não está disponível no StageText com várias linhas

Esta propriedade não é uma opção para o Android

 

 

Windows: adicionar suporte a HiDPI para AIR desktop (versão)

A partir do AIR 23, o suporte a HiDPI para AIR Desktop no Windows foi introduzido. Isso permite que você ofereça uma renderização de qualidade mais alta para conteúdo do AIR em monitores HiDPI. Este recurso funciona dentro do conceito de dimensionamento de alta densidade de pixels, e não no dimensionamento de duplicação de pixels.

Observação: HiDPI já está disponível para o AIR em monitores Mac Retina.

Para implementar esse recurso em um aplicativo AIR, o desenvolvedor deve configurar requestedDisplayResolution tão alto quanto no arquivo de manifesto.

requestedDisplayResolution definido como high

<requestedDisplayResolution>high</requestedDisplayResolution>

 

Para obter uma lista completa dos recursos no Flash Player e no AIR, incluindo os recursos apresentados em versões anteriores, leia o documento aqui.

Versões lançadas

Resultado Versão lançada
Flash Player Windows para Internet Explorer - ActiveX 23.0.0.185
Flash Player Windows para Firefox - NPAPI 23.0.0.185
Flash Player Windows para Chromium - PPAPI 23.0.0.185
Flash Player Mac para Safari e Firefox - NPAPI 23.0.0.185
Flash Player Mac para Chromium - PPAPI 23.0.0.185
Flash Player Linux para Firefox - NPAPI 11.2.202.637
Flash Player com suporte estendido no Mac versão 18 - NPAPI 18.0.0.382
Flash Player com suporte estendido para Windows versão 18 - ActiveX 18.0.0.382
Flash Player com suporte estendido para Windows versão 18 - NPAPI 18.0.0.382
Flash Player Win 8 e 10 para Internet Explorer e Edge 23.0.0.185
Flash Player Mac para Google Chrome 23.0.0.185
Flash Player Windows para Google Chrome  23.0.0.185
Flash Player ChromeOS 23.0.0.185
Flash Player Linux para Google Chrome 23.0.0.185
Runtime do AIR Desktop (Win) 23.0.0.257
Runtime do AIR Desktop (Mac) 23.0.0.257
Runtime do AIR (Android) 23.0.0.257
AIR SDK e Compilador Windows 23.0.0.257
AIR SDK e Compilador Mac 23.0.0.257
AIR SDK Windows 23.0.0.257
AIR SDK Mac 23.0.0.257

Problemas conhecidos

Flash Player

  • O redimensionamento do reprodutor de vídeo flash incorporado deixa a interface em preto no xulrunner(4186134)

AIR

  • [Android] Altura de softKeyboardRect está incorreta (4085072)
  • [iOS] VideoTexture no iOS - às vezes o evento TEXTURE_READY não é disparado (4150401)
  • [iOS] Trava quando tenta acessar argumentos de função (4117964)
  • [iOS] O modo paisagem não consegue iniciar a câmera e o aplicativo trava no modo de depuração (4168916)
  • [Android N] Aplicativos AIR não são capazes de reconhecer alterações de vídeo e tamanho de fonte de acordo com os novos recursos do Android N (4186054)
  • TextField: atraso depois da criação do primeiro TextField (4133187)
  • São observadas falhas ao transformar conteúdo gráfico com a transformação 2.5D no AIR 23(4191283)
  • São observados artefatos quando a profundidade do eixo Z do objeto da tela é alterada(4189739)
  • O triângulo aparece em branco ou preenchido com artefatos ao usar Graphics.drawTriangles() no AIR 23.0 (4191288)
  • São observadas falhas ao aplicar a rotação 3D em um Bitmap ou outros contêineres(4188948)

Aprimoramentos de segurança 

Boletim de Segurança  Resultados afetados
APSB16-32 Adobe Flash Player
APSB16-31 Adobe AIR

Diretrizes de autoria 

Criação no Flash Player 23 

Para usar o novo Flash Player, é necessário segmentar o SWF versão 34. Para isso, é necessário passar o "-swf-version=34" como um argumento do compilador extra para o compilador ASC 2.0. Veja as instruções detalhadas abaixo. 

  • Baixe o novo playerglobal .swc para Flash Player 23 
  • Baixe e instale o Flash Builder 4.7 da Creative Cloud: https://creative.adobe.com/products/flash-builder
  • Faça o backup do AIR SDK existente caso seja preciso restaurá-lo mais tarde, e substitua o AIR SDK compactado pelo AIR 23 SDK. Para fazer isso, descompacte o AIR 23 SDK neste local:
    • MacOS: /Applications/Adobe Flash Builder 4.7/eclipse/plugins/com.adobe.flash.compiler_4.7.0.348297/AIRSDK
    • Windows: C:\Program Files\Adobe\Adobe Flash Builder 4.7 (64Bit)\eclipse\plugins\com.adobe.flash.compiler_4.7.0.349722\AIRSDK\
  • No Flash Builder, crie um novo projeto: Arquivo -> Novo -> Projeto.
  • Abra o painel Propriedades do projeto (clique com o botão direito do mouse e escolha 'Propriedades'). 
  • Selecione ActionScriptCompiler na lista à esquerda.
  • Adicione "-swf-version=34" ao campo 'Additional compiler arguments'.
    • Isso garante que o SWF resultante seja direcionado para o SWF versão 34. Se compilar na linha de comando e não no Flash Builder, você precisará adicionar o mesmo argumento de compilador.
  • Certifique-se de ter instalado o novo build do Flash Player 23 em seu navegador.

Criação no AIR 23 Atualizar para o namespace do AIR 23

Para acessar as novas APIs e o novo comportamento do AIR 23, é necessário atualizar o arquivo descritor do aplicativo para namespace 23. Se o seu aplicativo não precisar do novo comportamento e das novas APIs do AIR 23, não será necessário atualizar o namespace. No entanto, recomendamos que todos os usuários comecem a usar o namespace AIR 23, mesmo que ainda não estejam aproveitando os novos recursos da versão 23. Para atualizar o namespace, altere o atributo xmlns no descritor do aplicativo para: <application xmlns="http://ns.adobe.com/air/application/23.0"> 

Informando um erro

Encontrou um erro? Envie um erro ao banco de dados de erros do Flash Player e Adobe AIR.

O Flash Player e o AIR podem alavancar seu hardware gráfico para decodificar e reproduzir vídeo H.264. Pode haver problemas de vídeo que só podem ser reproduzidos com seu hardware gráfico e driver específicos. Ao relatar um problema envolvendo vídeo, é importante anotar seu hardware gráfico e driver, junto com seu sistema operacional e navegador (ao usar Flash Player), para que possamos reproduzir e investigar os problemas. Certifique-se de incluir estas informações conforme descrito em Instruções para relatar problemas de reprodução de vídeo. Observação: Devido ao alto volume de emails que recebemos, não é possível respondermos a cada solicitação.

Obrigado por usar o Adobe® Flash Player® e o AIR® e por dedicar seu tempo a nos enviar seu feedback!

Requisitos do sistema

Para obter os requisitos do sistema mais recentes do Flash Player, leia o documento aqui.

Para obter os requisitos do sistema mais recentes do AIR, leia o documento aqui 

Histórico de versões(s) do runtime

Data de lançamento Versão do runtime Aprimoramentos de segurança 
11 de outubro de 2016 Flash Player (Win, Mac, Linux) 23.0.0.185
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.637
Flash Player (ESR) 18.0.0.382
APSB16-32
13 de setembro de 2016 Flash Player (Win, Mac, Linux) 23.0.0.162
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.635
Flash Player (ESR) 18.0.0.375
AIR SDK e Runtime 23.0.0.257
APSB16-29
APSB16-31
14 de julho de 2016 Flash Player (Win ActiveX) 22.0.0.210  
12 de julho de 2016 Flash Player (Win, Mac, Linux) 22.0.0.209
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.632
Flash Player (ESR) 18.0.0.366
APSB16-25
16 de junho de 2016  Flash Player (Win, Mac, Linux) 22.0.0.185
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.626
Flash Player (ESR) 18.0.0.358
AIR SDK e Runtime 22.0.0.153
APSB16-18
APSB16-23
12 de maio de 2016 Flash Player (Win, Mac, Linux) 21.0.0.242
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.621
Flash Player (ESR) 18.0.0.352
AIR SDK e Runtime 21.0.0.215
APSB16-15
21 de abril de 2016 Flash Player (Mac NPAPI) 21.0.0.226  
12 de abril de 2016 AIR SDK e Runtime 21.0.0.198  
8 de abril de 2016 Flash Player (Google Chrome) 21.0.0.216  
7 de abril de 2016 Flash Player (Win, Mac, Linux) 21.0.0.213
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.616
Flash Player (ESR) 18.0.0.343
APSB16-10
23 de março de 2016 Flash Player (Win, Mac, Linux) 21.0.0.197  
10 de março de 2016 Flash Player (Win, Mac, Linux) 21.0.0.182
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.577
Flash Player (ESR) 18.0.0.333
AIR SDK e Runtime 21.0.0.176
APSB16-08
9 de fevereiro de 2016 Flash Player (Win, Mac, Linux) 20.0.0.306
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.569
Flash Player (ESR) 18.0.0.329
AIR SDK e Runtime 20.0.0.260
APSB16-04
19 de janeiro de 2016 Flash Player (Win, Mac, Linux) 20.0.0.286  
1 de janeiro de 2015 Flash Player ActiveX (Win 7) 20.0.0.270  
28 de dezembro de 2015 Flash Player (Win, Mac, Linux) 20.0.0.267
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.559
Flash Player (ESR) 18.0.0.324
AIR SDK e Runtime 20.0.0.233
APSB16-01
8 de dezembro de 2015 Flash Player (Win, Mac, Linux) 20.0.0.228
Flash Player (NPAPI Win & Mac) 20.0.0.235
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.554
Flash Player (ESR) 18.0.0.268
AIR SDK e Runtime 20.0.0.204
APSB15-32
10 de novembro de 2015 Flash Player (Win, Mac, Linux) 19.0.0.245
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.548
Flash Player (ESR) 18.0.0.261
AIR SDK e Runtime 19.0.0.241
APSB15-28
16 de outubro de 2015 Flash Player (Win, Mac e Linux) 19.0.0.226
Flash Player (PPAPI ChromeOS) 19.0.0.225
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.540
Flash Player (ESR) 18.0.0.255
APSB15-27
13 de outubro de 2015 Flash Player (Win e Mac) 19.0.0.207
Flash Player (PPAPI Linux) 19.0.0.207
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.535
Flash Player (ESR) 18.0.0.252
AIR SDK e Runtime 19.0.0.190
APSB15-25
21 de setembro de 2015 Flash Player (Win e Mac) 19.0.0.185
Flash Player (PPAPI Linux) 19.0.0.185
Flash Player (NPAPI Linux) 11.2.202.521
Flash Player (ESR) 18.0.0.241
AIR SDK e Runtime 19.0.0.190
APSB15-23
11 de agosto de 2015 Flash Player (Win e Mac) 18.0.0.232
Flash Player (PPAPI Linux) 18.0.0.233
Flash Player (Linux) 11.2.202.498
Flash Player (ESR) 18.0.0.228
AIR SDK e Runtime 18.0.0.199
APSB15-19
16 de julho de 2015 Flash Player (Linux NPAPI) 11.2.202.491
Flash Player (ESR) 13.0.0.309
APSB15-18
14 de julho de 2015 Flash Player 18.0.0.209
APSB15-18
8 de julho de 2015 Flash Player 18.0.0.203
Flash Player (PPAPI Linux) 18.0.0.204
Flash Player (ESR) 13.0.0.302
Flash Player (Linux NPAPI) 11.2.202.481
Flash Player 17.0.0.191
AIR SDK e Runtime 18.0.0.180
APSB15-16
23 de junho de 2015 Flash Player 18.0.0.194
Flash Player (ESR) 13.0.0.296
Flash Player (Linux NPAPI) 11.2.202.468
Flash Player 17.0.0.190
APSB15-14
9 de junho de 2015 Flash Player (Win e Mac) 18.0.0.160
Flash Player PPAPI (Mac) 18.0.0.161
Flash Player (Linux) 11.2.202.466
Flash Player (ESR) 13.0.0.292
AIR SDK e Runtime (Win) 18.0.0.144
AIR SDK e Runtime (Mac) 18.0.0.143
APSB15-11
12 de maio de 2015 Flash Player (Win e Mac) 17.0.0.188
Flash Player (Linux) 11.2.202.460
Flash Player (ESR) 13.0.0.289
AIR SDK e Runtime 17.0.0.172
APSB15-09
14 de abril de 2015 Flash Player (Win e Mac) 17.0.0.169
Flash Player (Linux) 11.2.202.457
Flash Player (ESR) 13.0.0.281
AIR SDK e Runtime 17.0.0.144
APSB15-06
12 de março de 2015 Flash Player (Win e Mac) 17.0.0.134
Flash Player (Linux) 11.2.202.451
Flash Player (ESR) 13.0.0.277
AIR SDK e Runtime 17.0.0.124
APSB15-05
12 de fevereiro de 2015 Tempo de execução do AIR Desktop (Win) 16.0.0.273
AIR SDK (Win e Mac) 16.0.0.292
 
5 de fevereiro de 2015 Flash Player (Win e Mac) 16.0.0.305
Flash Player (Linux) 11.2.202.442
Flash Player ESR (Win e Mac) 13.0.0.269
APSB15-04
27 de janeiro de 2015 Flash Player (Win e Mac) 16.0.0.296
Flash Player (Linux) 11.2.202.440
Flash Player ESR (Win e Mac) 13.0.0.264
APSB15-03
22 de janeiro de 2015 Flash Player (Win e Mac) 16.0.0.287
Flash Player (Linux) 11.2.202.438
Flash Player ESR (Win e Mac) 13.0.0.262
APSB15-02
13 de janeiro de 2015 Flash Player (Win e Mac) 16.0.0.257
Flash Player (Linux) 11.2.202.429
Flash Player ESR (Win e Mac) 13.0.0.260
AIR Android 16.0.0.272
AIR Desktop Runtime 16.0.0.245
AIR SDK 16.0.0.272
APSB15-01
9 de dezembro de 2014 Flash Player (Win e Mac) 16.0.0.235
Flash Player (Linux) 11.2.202.425
Flash Player ESR (Win e Mac) 13.0.0.259
APSB14-27
9 de dezembro de 2014 Flash Player (Win e Mac) 15.0.0.246 APSB14-27
11 de novembro de 2014 Flash Player (Win e Mac) 15.0.0.223
Flash Player (Linux) 11.2.202.418
Flash Player ESR (Win e Mac) 13.0.0.252
AIR Android 15.0.0.356
AIR Desktop e SDK 15.0.0.356
APSB14-24
23 de setembro 2014 Flash Player (Windows ActiveX) 15.0.0.167 APSB14-22
9 de setembro de 2014 Flash Player (Win e Mac) 15.0.0.152
Flash Player (Linux) 11.2.202.406
Flash Player ESR (Win & Mac) 13.0.0.244
AIR Android 15.0.0.252
AIR Desktop & SDK 15.0.0.249
APSB14-21
12 de agosto de 2014 Flash Player (ActiveX, Mac NPAPI) 14.0.0.176
Flash Player (Win NPAPI) 14.0.0.179
Flash Player (PPAPI) 14.0.0.177
AIR Android 14.0.0.179
AIR Desktop & SDK 14.0.0.178
APSB14-18
8 de julho de 2014 Flash Player Desktop (Win e Mac) 14.0.0.145
Flash Player Desktop (Linux) 11.2.202.394
Flash Player ESR (Win & Mac) 13.0.0.231
AIR (SDK & Android Runtime) 14.0.0.137
APSB14-17
10 de junho de 2014 Flash Player Desktop (Win e Mac) 14.0.0.125
Flash Player Desktop (Linux) 11.2.202.378
Flash Player ESR (Mac & Win) 13.0.0.223
AIR (SDK & Runtme) 14.0.0.110
APSB14-16
13 de maio de 2014 Flash Player Desktop (Win e Mac) 13.0.0.214
Flash Player Desktop (Linux) 11.2.202.359
Flash Player Enterprise (Mac & Win) 13.0.0.214
AIR (SDK & Runtme) 13.0.0.111
APSB14-14

Esta obra está licenciada sob uma licença não adaptada da Creative Commons Attribution-Noncommercial-Share Alike 3.0  As publicações do Twitter™ e do Facebook não são cobertas pelos termos do Creative Commons.

Avisos legais   |   Política de privacidade online