Problema

A qualidade do vídeo está baixa. 

Solução

Por padrão, o algoritmo de streaming adaptativo começa com o vídeo com a menor de taxa de bits e aumenta progressivamente em qualidade com base na largura de banda do usuário.

O design do algoritmo de troca de taxa de bits, comum à maioria dos reprodutores de vídeo que suportam streaming adaptável, começa com o menor denominador comum que todos podem visualizar. Se você começar com uma taxa de bits mais alta do que alguns usuários podem manipular, esses usuários ficarão com uma experiência ruim. Por exemplo, o vídeo armazena em buffer e não reproduz desde o início. Com a nossa abordagem, o usuário poderá ver o vídeo imediatamente sem qualquer buffer, antes que o visulaizador estabilize a qualidade que sua largura de banda pode suportar.

Você poderá substituir o comportamento padrão especificando a taxa de bits de vídeo inicial a ser usada durante o streaming. Dessa forma, os clientes podem decidir por si mesmos: menor qualidade para as massas ou maior qualidade com potencial para má experiência de buffering.

Duas outras opções são:

  • Fornecer um estado para garantir que o vídeo tenha o mesmo tamanho de como está incorporado no site.
  • Remover os vídeos com taxas de bits mais baixas do AVS (consulte req=set).