Saiba como implantar o Connect Edge Server para aumentar a segurança, reduzir a latência, balancear a carga e fornecer um failover.

Fluxo de trabalho da instalação do Adobe Connect Edge Server

Desenhe as zonas do servidor de borda.

Você pode configurar servidores de borda ou clusters de servidores de borda em diferentes locais, ou zonas, para alocar e balancear o acesso ao Adobe Connect. Por exemplo, você pode configurar um servidor de borda em São Francisco para os usuários da Costa Oeste e um servidor de borda em Boston para os usuários da Costa Leste.

Instale o Adobe Connect Edge Server.

Instale o Adobe Connect Edge Server em todos os computadores de cada zona. Por exemplo, se você tiver um cluster de servidores de borda em uma zona, instale o Adobe Connect Edge Server em todos os computadores do cluster. Consulte Instalar o Adobe Connect Edge Server.

Modifique o servidor DNS de cada zona.

Mapeie o FQDN do servidor Adobe Connect de origem para o endereço IP estático do Adobe Connect Edge Server em cada zona. Consulte Implantação do Adobe Connect Edge Server.

Configure o servidor de borda.

Adicione os parâmetros de configuração ao arquivo custom.ini de cada Adobe Connect Edge Server. Consulte Implantação do Adobe Connect Edge Server.

Configure o servidor de origem.

Adicione os parâmetros de configuração ao arquivo custom.ini de cada Adobe Connect Server. Além disso, você deve configurar o Nome externo do servidor de borda no Console de gerenciamento de aplicativos do servidor de origem. Consulte Implantação do Adobe Connect Edge Server.

Configure um balanceador de carga.

Se você configurar vários servidores de borda em uma zona, deverá usar um balanceador de carga para balancear a carga entre servidores de borda e configurá-lo para aceitar comunicação externa na porta 80. Os servidores de borda aceitam comunicação externa na porta 8080. Para obter mais informações, consulte a documentação fornecida pelo fabricante do balanceador de carga.

Implantação do Adobe Connect Edge Server

Antes de implantar servidores de borda, o Adobe Connect e todos os recursos adicionais (como SSL, integração de serviço de diretório, logon único, armazenamento de conteúdo compartilhado etc.) devem estar corretamente em execução.

  1. No seu servidor DNS, mapeie o FQDN do servidor de origem para o endereço IP estático do servidor de borda. Se você estiver instalando servidores de borda em várias zonas, repita esta etapa para cada zona.

    Observação:

    Você também pode usar um arquivo de hosts; caso o faça, todos os clientes devem ter um arquivo de hosts que aponte o endereço IP estático do servidor de borda para o FQDN de servidor de origem.

  2. No Adobe Connect Edge Server, abra o arquivo [dir_instalação_raiz] \edgeserver\win32\conf\HttpCache.xml e substitua o nome do computador na tag HostName pelo FQDN do computador do servidor de borda, como por exemplo, borda1.exemplo.com.
    <!-- The real name of this host. -->          
    <HostName>edge1.yourcompany.com</HostName>
  3. No Adobe Connect Edge Server, crie um arquivo [dir_instalação_raiz]\edgeserver\custom.ini e insira os seguintes parâmetros e valores.

    FCS_EDGE_HOST

    O FQDN do servidor de borda, por exemplo, FCS_EDGE_HOST=edge1.suaempresa.com.

    FCS_EDGE_REGISTER_HOST

    O FQDN do servidor de origem do Adobe Connect, por exemplo, FCS_EDGE_REGISTER_HOST=connect.suaempresa.com.

    FCS_EDGE_CLUSTER_ID

    Nome do cluster. Cada cluster de servidores de borda precisa ter uma ID exclusiva. Todos os computadores dentro do cluster devem ter a mesma ID. O formato recomendado é nomedaempresa-nomedocluster; por exemplo, FCS_EDGE_CLUSTER_ID=suaempresa-br. Configure esse parâmetro mesmo se estiver implantando somente um Adobe Connect Edge Server.

     

    FCS.HTTPCACHE_BREEZE_SERVER_NORMAL_PORT

    O endereço IP ou o nome do domínio e o número da porta do computador onde o Adobe Connect está instalado, por exemplo, FCS.HTTPCACHE_BREEZE_SERVER_NORMAL_PORT=connect.yourcompany.com:80. O Adobe Connect Edge Server se conecta com o servidor de origem do Adobe Connect nesse local.

    FCS_EDGE_PASSWORD

    (Opcional) Senha do servidor de borda. Se você definir um valor para esse parâmetro, precisará definir o mesmo valor para todos os servidores de borda e para todos os servidores de origem.

    FCS_EDGE_EXPIRY_TIME

    (Opcional) O número de milissegundos nos quais o servidor de borda deve se registrar na origem antes de expirar em um cluster e o sistema alternar para outro servidor de borda. Comece com o valor padrão, FCS_EDGE_EXPIRY_TIME=60000.

    FCS_EDGE_REG_INTERVAL

    (Opcional) Intervalo, em milissegundos, em que o servidor de borda tenta se registrar no servidor de origem. Esse parâmetro determina com que frequência o servidor de borda fica disponível para o servidor de origem. Comece com o valor padrão, FCS_EDGE_REG_INTERVAL=30000.

    DEFAULT_FCS_HOSTPORT

    (Opcional) Para configurar as portas do servidor de borda, adicione a seguinte linha: DEFAULT_FCS_HOSTPORT=:1935,80,‑443.

    O sinal de subtração (-) antes do número 443 designa a porta 443 como a porta segura que recebe somente conexões RTMPS. Se fizer uma tentativa de solicitação de conexão RTMPS com a porta 1935 ou 80, a conexão falhará. Do mesmo modo, as solicitações de conexão RTMP não seguras com a porta 443 falharão.

    Se o seu servidor de borda usar um acelerador de hardware externo, a porta 443 não precisará ser configurada como porta segura.

    Estes são exemplos de valores para o arquivo config.ini: FCS_EDGE_HOST=edge.suaempresa.com FCS_EDGE_REGISTER_HOST=connect.suaempresa.com FCS_EDGE_CLUSTER_ID=suaempresa-br FCS.HTTPCACHE_BREEZE_SERVER_NORMAL_PORT=connect.suaempresa.com:80

    FCS_EDGE_HOST=edge.yourcompany.com 
    FCS_EDGE_REGISTER_HOST=connect.yourcompany.com 
    FCS_EDGE_CLUSTER_ID=yourcompany-us 
    FCS.HTTPCACHE_BREEZE_SERVER_NORMAL_PORT=connect.yourcompany.com:80
  4. Reinicie o servidor de borda.
  5. No servidor de origem do Adobe Connect, abra o arquivo [dir_raiz_da_instalação] \custom.ini em um editor de texto e mapeie o valor do parâmetro FCS_EDGE_CLUSTER_ID para uma ID de zona. A sintaxe é borda.FCS_EDGE_CLUSTER_ID = id-da-zona. Mesmo se você só estiver implementando um servidor de borda, será preciso mapear a ID do cluster para uma ID de zona.

    Cada cluster de servidores de borda precisa ter uma ID de zona. A ID de zona pode ser qualquer número inteiro positivo maior que 0. Por exemplo, você pode ter três clusters mapeados para as zonas de 1 a 3:

    edge.yourcompany‑us=1 
    edge.yourcompany‑apac=2 
    edge.yourcompany‑emea=3

    A seguir, veja um exemplo de arquivo custom.ini para o servidor de origem: DB_HOST=localhost DB_PORT=1433 DB_NAME=breeze DB_USER=sa DB_PASSWORD=#V1#4cUsRJ6oeFwZLnQPpS4f0w== # DEBUG LOGGING SETTINGS HTTP_TRACE=yes DB_LOG_ALL_QUERIES=yes # EDGE SERVER SETTINGS edge.suaempresa-br=1

    DB_HOST=localhost                                                                              
    DB_PORT=1433                                                                             
    DB_NAME=breeze                                                                             
    DB_USER=sa                                                                             
    DB_PASSWORD=#V1#4cUsRJ6oeFwZLnQPpS4f0w==                                                                            
    # DEBUG LOGGING SETTINGS                                                                            
    HTTP_TRACE=yes                                                                            
    DB_LOG_ALL_QUERIES=yes 
    # EDGE SERVER SETTINGS 
    edge.yourcompany-us=1

    Observação:

    Se você configurar um parâmetro FCS_EDGE_PASSWORD no arquivo custom.ini no servidor de borda, defina a mesma senha no arquivo custom.ini no servidor de origem.

  6. Reinicie o servidor de origem.
  7. No servidor de origem, abra o Console de gerenciamento de aplicativos (Iniciar > Programas > Adobe Connect Server > Configurar o Adobe Connect Server). Selecione a guia Configurações do aplicativo, depois Configurações do servidor e, na seção Mapeamentos do host, digite o nome externo do servidor de borda. O nome externo deve ser idêntico ao valor definido para o parâmetro FCS_EDGE_HOST no servidor de borda.
  8. No servidor de origem, configure o firewall do Windows de forma que os servidores de borda possam acessar a porta 8506.
  9. Repita as etapas de 2 a 4 para cada servidor de borda em cada zona.
  10. Repita as etapas de 5 a 7 para cada servidor de origem em cada zona.

Para obter ajuda sobre como implantar servidores de borda, entre em contato com o Suporte da Adobe em www.adobe.com/support/programs/connect.

Esta obra está licenciada sob uma licença não adaptada da Creative Commons Attribution-Noncommercial-Share Alike 3.0  As publicações do Twitter™ e do Facebook não são cobertas pelos termos do Creative Commons.

Avisos legais   |   Política de privacidade online