O fluxo de trabalho para corrigir as cores de uma sequência consiste nas seguintes etapas:

Carregar um EDL

EDL (Listas de Decisões de Edição) são documentos de metadados usados para migrar as linhas de tempo de projetos a partir de ferramentas de edição, como o Adobe Premiere Pro, para ferramentas de pós-produção, como o SpeedGrade.

Dica: antes de começar, coloque os clipes de origem e o arquivo EDL em uma única pasta. Essa organização torna o processamento mais rápido e eficiente.

O SpeedGrade insere miniaturas de espaço reservado na faixa de vídeo e no painel Rolos. O painel Rolos localiza-se na guia Linha de tempo, no canto inferior esquerdo da tela.

  1. No SpeedGrade, selecione a pasta que contém o arquivo EDL com o navegador de arquivos no canto superior esquerdo da interface do usuário.
  2. Clique duas vezes no arquivo EDL para carregá-lo.

    Dica: se você tiver miniaturas em excesso, é possível filtrá-las para os arquivos EDL selecionando a opção EDL no menu Todos os arquivos, no canto superior direito.

Reconectar os clipes de origem nos rolos

O painel Rolos fornece uma visão geral dos rolos em um EDL. Ao carregar um EDL, o SpeedGrade insere miniaturas de espaço reservado dos clipes de origem no painel Rolos. Reconecte os clipes de origem às miniaturas de espaço reservado no painel Rolos como se segue.

  1. Se isto ainda não tiver sido feito, exiba os clipes de origem na janela da Área de trabalho selecionando a pasta que contém os clipes de origem.

  2. Filtre as miniaturas para o tipo de mídia dos clipes de origem. Exemplo: filmes do QuickTime.

  3. Clique na guia Linha de tempo e, em seguida, clique no painel Rolos para exibir os espaços reservados para o clipe de origem.

  4. Reconecte os clipes de origem às miniaturas clicando em Carregar da área de trabalho. O SpeedGrade reconecta os clipes de origem na área de trabalho e na faixa de vídeo.

    Botão Carregar da área de trabalho

Criar um clipe de correção

Ao corrigir cores de uma sequência, trabalhe em um clipe de correção não destrutivo associado aos videoclipes na sequência. Não corrija os videoclipes diretamente. O clipe de correção pode ser salvo, movido e aplicado a vários videoclipes. Os clipes de correção são gerenciados na Linha de tempo, em uma trilha de correção acima da faixa de vídeo.

Para criar um clipe de correção, clique no botão Configurar, na guia Linha de tempo, e siga um destes procedimentos:

  1. Para criar uma série de clipes de correção na trilha de correção, clique no botão Extrair clipes de correção, na terceira coluna da janela Configurar.

    Botão Extrair clipes de correção
  1. Para criar um clipe de correção para um único vídeo, arraste a ferramenta Clipe de correção para a trilha de correção acima do clipe de destino.

    Ferramenta Clipe de correção
  1. Para adicionar clipes de correção para todos os videoclipes na faixa de vídeo, arraste a ferramenta Clipe de correção em um videoclipe para a faixa de vídeo.

Aplicar correções de cores a um clipe de correção

  1. Selecione um clipe de correção na Linha de tempo, não um videoclipe.
  2. Aplique correções de cores ao clipe de correção selecionado. Para obter mais informações sobre a correção, consulte Corrigir cores de um clipe.

    A correção é aplicada a todos os videoclipes que compartilham o clipe de correção.

Dica: compare os videoclipes quanto à correspondência de cores de captura em captura usando vários indicadores de reprodução. Para obter detalhes, consulte Comparar capturas com vários indicadores de reprodução.

Aplicar um clipe de correção a videoclipes adicionais

É possível aplicar um único look aos videoclipes adicionais na Linha de tempo.

  1. Arraste a ferramenta Clipe de correção da guia Linha de tempo para a trilha de correção acima de um videoclipe.

  2. Arraste o lado direito de um clipe de correção para abranger vários clipes.

    Arrastar o clipe de correção

    As correções no clipe de correção são aplicadas a todos os videoclipes abaixo dele.

Renderizar uma sequência corrigida

  1. Clique na guia Saída, no canto superior direito para abrir o Mecanismo de renderização de metadados.
  2. Clique no menu Área de trabalho e selecione uma pasta de destino.
  3. Atribua um nome ao arquivo renderizado na caixa de texto Nome do arquivo.
  4. Em Formato e opções, selecione um formato de arquivo de saída para a renderização.
  5. Clique em Qualidade online, na guia Renderização.
  6. Clique em Renderizar.

Esta obra está licenciada sob uma licença não adaptada da Creative Commons Attribution-Noncommercial-Share Alike 3.0  As publicações do Twitter™ e do Facebook não são cobertas pelos termos do Creative Commons.

Avisos legais   |   Política de privacidade online