Efeito Para trás

O efeito Para trás inverte o áudio de uma camada ao reproduzir o áudio do último quadro para o primeiro quadro. Os quadros permanecem na ordem original no painel Linha de tempo. Selecione Trocar canais para inverter os canais esquerdo e direito.

Harry Frank e Aharon Rabinowitz fornecem um tutorial em vídeo no site All Bets Are Off que mostra como usar o efeito Para trás e o efeito Reverberação para criar um resultado de eco inverso assustador.

Efeito Graves e agudos

O efeito Graves e agudos impulsiona (aumenta) ou corta (diminui) as baixas frequências (grave) ou as altas frequências (agudo) de áudio. Para ter maior controle, use o efeito EQ paramétrica.

Efeito Atraso

O efeito Atraso repete o áudio após um período especificado. Esse efeito simula o som saltando fora de uma superfície, como uma parede.

Para simular um ambiente acústico de uma sala, use o efeito Reverberar.

Tempo de atraso

Tempo entre o som original e o eco, em milissegundos.

Quantidade de atraso

Volume do primeiro áudio atrasado, como uma fração do original.

Retorno

Quantidade do eco que é inserida novamente na linha de atraso para criar ecos subsequentes.

Saída original, Saída com efeito

Os valores do som original (original) e do som atrasado (com efeito) ou na saída final. Valores de 50% são usados com frequência.

Efeito Flange e coro

A Flange é um efeito de áudio causado pela mixagem do áudio original com uma cópia que é atrasada por uma quantidade de variação que muda com o tempo. A frequência da cópia também é deslocada por um valor relativo ao atraso. O Coro usa um atraso maior, para fazer com que uma voz ou um instrumento soem como muitos.

As configurações padrão do efeito Flange e coro são para flange. Para criar um resultado de coro, use valores mais ou menos assim: 40 por Tempo de separação de voz (ou mais para um melhor resultado de coro), 4 para Vozes, 0.1 para Taxa de modulação, 50% para Profundidade de modulação e 90 para Alteração da fase da voz Vozes estéreo selecionado.

Tempo de separação de voz

O tempo em milissegundos que separa cada voz. Cada voz é uma versão atrasada do som original. Use valores de 6 ou abaixo para flange e valores mais altos para o coro.

Vozes

O número de vozes no áudio (com efeito) processado.

Taxa de modulação

A taxa em Hz em que a modulação muda.

Profundidade de modulação

A quantidade de modulação.

Alteração da fase da voz

A diferença de fase de modulação em graus entre cada voz subsequente. Divida 360 pelo número de vozes para encontrar o valor ideal.

Inverter fase

Inverte a fase do áudio (com efeito) processado, enfatizando mais da altas frequências; não inverter a fase enfatiza mais das baixas frequências.

Vozes estéreo

Alterna a atribuição de vozes a um dos dois canais para que a primeira voz apareça no canal esquerdo, a segunda no canal direito, a terceiro à esquerda, etc. Para ouvir vozes estéreo, visualize ou renderize em estéreo.

Saída original, Saída com efeito

Os valores do som original (original) e do som atrasado (com efeito) ou na saída final. Valores de 50% são usados com frequência.

Efeito Passagem de alto-baixo

O efeito Passagem de alto-baixo define um limite acima ou abaixo do qual as frequências podem passar. A Passagem de alto permite frequências acima do limite e bloqueia frequências abaixo. Por outro lado a Passagem de baixo permite frequências abaixo do limite e bloqueia frequências acima. Use Passagem de alto-baixo para fazer o seguinte:

  • Aumentar ou atenuar (reduzir) um som. Por exemplo, usar a Passagem de alto pode reduzir o ruído de tráfego, que é geralmente concentrado em baixas frequências, enquanto afeta muito pouco uma gravação de voz. Usar a Passagem de baixo pode remover os sons de alta frequência, como estática e zumbidos.

  • Altere o foco de um som para outro com o tempo. Por exemplo, em áudios que contêm música e voz, é possível desvanecer gradualmente a música enquanto levanta gradualmente a voz.

  • Proteja o equipamento das frequências potencialmente danosas.

  • Direcione determinadas frequências ao equipamento específico. Por exemplo, use a Passagem de baixo para determinar os sons desejados para um subwoofer.

Observação:

Para verificar as frequências que você filtra, alterne para o valor Opções de filtro e reproduza o áudio.

Frequência de corte

Todas as frequências abaixo (Passagem de alto) ou acima (Passagem de baixo) são removidas. Se o som indesejado mudar ao longo do tempo, anime a propriedade.

Observação:

Para identificar as frequências de som indesejadas, use o efeito Espectro de áudio.

Saída original, Saída com efeito

Os valores do som original (original) e do som atrasado (com efeito) ou na saída final. Os valores comuns para remover as frequências são 0% para Saída original e 100% para Saída com efeito.

Efeito Modulador

O efeito Modulador adiciona vibrato e vibração ao áudio por meio da modulação (variação) da frequência e amplitude.

Tipo de modulação

O tipo da forma de onda a usar. O seno produz uma modulação mais suave. O triângulo produz uma modulação mais abrupta.

Taxa de modulação

A taxa em Hz de modulação.

Profundidade de modulação

A quantidade de modulação de frequência.

Modulação de amplitude

A quantidade de modulação de amplitude.

Efeito EQ paramétrica

O efeito EQ paramétrica enfatiza ou atenua faixas de frequência específicas. O EQ paramétrica é útil para aprimorar a música, como reforçar as baixas frequências para realçar o baixo.

Se o seu áudio tiver um som indesejado (como um bipe de uma empilhadeira no plano de fundo), você pode isolar e cortar a faixa de frequência do bipe para atenuar o som.

Ao usar esse efeito, você pode aumentar para até três diferentes faixas de áudio. Ao ajustar os controles, um gráfico de resposta a frequência mostra a curva de equalização combinada que você cria; a banda 1 é vermelha, a banda 2 é verde e a banda 3 é azul. Pode ser mais fácil especificar controles se você determinar primeiro a curva de resposta de frequência desejada.

Observação:

Para identificar as frequências de som indesejadas, use o efeito Espectro de áudio.

Banda ativada

Ativa uma banda de equalização e os seus controles.

Frequência

O centro de banda de frequência a ser modificada.

Largura de banda

A largura de banda de frequência a ser modificada.

Reforço/cortar

A intensidade na qual reforçar (aumentar) ou o cortar (diminuir) a amplitude de frequências dentro da banda especificada. Reforço de valores positivos; corte de valores negativos.

Efeito Reverberar

O efeito Reverberar simula um interior espaçoso ou acusticamente dinâmico por meio da simulação de reflexões aleatórias de um som saindo de uma superfície.

Harry Frank e Aharon Rabinowitz fornecem um tutorial em vídeo no site All Bets Are Off que mostra como usar o efeito Para trás e o efeito Reverberação para criar um resultado de eco inverso assustador.

Tempo de reverberação

O tempo médio, em milissegundos, entre o áudio original e o áudio reverberado.

Difusão

Especifica em que nível o efeito dispersa o áudio original. Mais difusão pode tornar o som de áudio mais distante do microfone.

Decréscimo

Especifica quanto tempo leva para que o efeito diminua. Um valor mais alto simula uma área maior.

Brilho

Especifica a quantidade de detalhes preservados do áudio original. Brilho alto simula uma sala com acústica ativa (altamente reflexiva).

Saída original, Saída com efeito

Os valores do som original (original) e do som atrasado (com efeito) ou na saída final. Valores de 50% são usados com frequência.

Efeito Mixer estéreo

O efeito Mixer estéreo mixa os canais esquerdo e direito de áudio e filtra todo o sinal de um canal para outro.

Inverter fase

Inverte a fase dos dois canais do sinal estéreo. Use esse controle para evitar que dois sons na mesma frequência cancelem um ao outro.

Efeito Tom

O efeito Tone sintetiza tons de áudio simples para criar sons, como o baixo ruído de um submarino, um telefone tocando no plano fundo, sirenes ou uma explosão de laser. Você pode ter até cinco tons para cada instância do efeito Tom, para criar um acorde. Quando esse efeito é aplicado a uma camada com áudio, o áudio original (original, não processado) é ignorado, e somente o tom é tocado.

Também é possível aplicar o efeito Tom a uma camada sem áudio, como uma camada sólida, para sintetizar áudio.

Observação:

O efeito Tom não gera áudio em uma camada de espaço reservado; para o efeito gerar áudio, substitua o espaço reservado por um item de gravação.

Opções de forma de onda

Especifica o tipo da forma de onda a usar. As ondas senoidais produzem os tons mais puros. As ondas quadradas produzem os tons mais distorcidos. As ondas triangulares têm elementos de ondas senoidais e ondas quadradas, mas estão mais próximas das ondas senoidais. As ondas de serra têm elementos de ondas senoidais e ondas quadradas, mas estão mais próximas das ondas quadradas.

Frequência

Frequência em Hz. Para desativar um tom, defina sua frequência para 0.0.

Nível

Altera a amplitude de todos os tons nessa instância do efeito. Para evitar recorte e estouro, use um valor de Nível que seja maior que 100 dividido pelo número de frequências usados. Por exemplo, se você usar todas as cinco frequências, especifique 20%.

Observação:

Para impedir cliques no final de um tom, defina um quadro-chave para o valor de Nível desejado no quadro imediatamente antes do fim dos tons, e defina um quadro-chave para um valor de Nível de 0,0 ao final do tom. Essa técnica funciona bem para qualquer áudio que você encerrar abruptamente.

Esta obra está licenciada sob uma licença não adaptada da Creative Commons Attribution-Noncommercial-Share Alike 3.0  As publicações do Twitter™ e do Facebook não são cobertas pelos termos do Creative Commons.

Avisos legais   |   Política de privacidade online