Sobre gráficos do Flash

O formato de arquivo Flash (SWF) é um formato de arquivo de gráficos com base em vetor para gráficos dimensionáveis e compactos para a Web. Como esse formato de arquivo é baseado em vetor, o trabalho artístico mantém sua qualidade de imagem a qualquer resolução, o que o torna ideal para a criação de quadros de animação. No Illustrator, você pode criar quadros de animação individuais em camadas e, em seguida, exportar as camadas de imagens em quadros individuais para uso em um site da Web. Também pode definir símbolos em um arquivo do Illustrator para reduzir o tamanho de uma animação. Quando exportado, cada símbolo é definido apenas uma vez no arquivo SWF.

Você pode salvar a arte como arquivo SWF usando o comando Exportar ou Salvar para a Web e dispositivos. Os benefícios incluem:

Comando Exportar (SWF)

Fornece o maior controle sobre a compactação de animações e bitmaps.

Comando Salvar para Web e dispositivos

Fornece mais controle sobre a combinação de formatos SWF e bitmap em um layout fatiado. Esse comando oferece menos opções de imagem do que o comando Exportar (SWF), mas usa as últimas configurações usadas do comando Exportar. (Consulte Opções de otimização SWF (Illustrator).)

Lembre-se das informações a seguir ao preparar um trabalho artístico para salvá-lo como SWF:

  • Para manter o menor tamanho de arquivo possível ao usar símbolos, aplique efeitos ao símbolo no painel Símbolo em vez de aplicá-los a instâncias de símbolo no trabalho artístico.

  • Usar as ferramentas Colorizar símbolos e Estilizar símbolos resulta em arquivos SWF maiores, já que o Illustrator precisa criar uma cópia de cada instância de símbolo para manter suas aparências.

  • Gradientes e objetos de malha com mais de oito interrupções são rasterizados e aparecerão como formas preenchidas com bitmap. Gradientes com menos de oito interrupções são exportados como gradientes.

  • Padrões são rasterizados em pequenas imagens do tamanho da arte de padrão e colocados lado a lado para preencher essa arte.

  • Se um objeto de bitmap se estender para além dos limites de uma fatia, o objeto inteiro será incluído no arquivo exportado.

  • O SWF somente oferece suporte a junções e arremates arredondados. Arremates e junções chanfrados ou quadrados se tornam arredondados quando exportados para SWF.

  • Texto preenchido com padrão e traçados preenchidos com padrão se convertem em caminhos e são preenchidos com o padrão.

  • Embora o texto preserve muito de seus recursos quando exportado para SWF, algumas informações são perdidas. Ao importar um arquivo SWF para o Flash, a entrelinha, o kerning e o tracking não são mantidos. Em vez disso, o texto é dividido em registros separados para simular a aparência de entrelinha. Quando o arquivo SWF for subsequentemente reproduzido no Flash Player, a aparência da entrelinha, do kerning e do tracking no arquivo será mantida. Se você desejar exportar texto como caminhos, selecione Texto como contornos na caixa de diálogo Opções SWF ou converta o texto para contornos antes de exportar para SWF ao escolher o comando Criar contornos.

Para assistir a um vídeo sobre como usar o Illustrator e o Flash juntos, consulte www.adobe.com/go/lrvid4099_xp . Para assistir a um vídeo sobre o uso eficaz de símbolos entre o Illustrator e o Flash, consulte www.adobe.com/go/vid0198_br. Para assistir a um vídeo sobre o uso eficaz de texto entre o Illustrator e o Flash, consulte www.adobe.com/go/vid0199

Criar animações do Flash

Existem muitas maneiras de criar animações do Flash no Illustrator. Uma das mais fáceis é inserir cada quadro de animação em uma camada separada do Illustrator e selecionar a opção Camadas do AI em quadros SWF ao exportar a arte.

Observação:

Para assistir a um vídeo sobre como exportar arquivos SWF a partir do Illustrator, consulte www.adobe.com/go/vid0214. Para assistir a um vídeo sobre como criar conteúdo móvel no Illustrator, consulte www.adobe.com/go/vid0207_br. Você também pode acessar o Adobe Studio (http://studio.adobe.com) para obter dicas e tutorais sobre como criar animações do Flash.

  1. Crie o trabalho artístico que você deseja animar. Use símbolos para reduzir o tamanho de arquivo da animação e simplificar o trabalho.
  2. Crie uma camada separada para cada quadro na animação.

    Isso pode ser feito colando o trabalho artístico base em uma nova camada e, em seguida, editando esse trabalho artístico. Outra alternativa é usar o comando Liberar em camadas para gerar automaticamente camadas que consistem em objetos que se acumulam.

  3. Verifique se as camadas estão na ordem em que você deseja exibi-las como quadros de animação.
  4. Siga um destes procedimentos:
    • Selecione Arquivo > Exportar, escolha Flash (SWF) para o formato e clique em Exportar. Na caixa de diálogo Opções de SWF, selecione Camadas do AI para quadros SWF para Exportar como. Defina opções de animação adicionais e clique em OK.

    • Selecione Arquivo > Salvar para Web e dispositivos. Selecione SWF no menu Formato de arquivo otimizado. No menu Tipo de exportação, escolha Camadas do AI em quadros SWF. Defina opções adicionais e clique em Salvar.

Trabalho com o Illustrator e o Flash

É possível mover arte-final do Illustrator para o ambiente de edição do Flash, ou então diretamente para o Flash Player. É possível copiar e colar arte-final, salvar arquivos no formato SWF ou exportar arte-final diretamente para o Flash. Além disso, o Illustrator fornece suporte para texto dinâmico e símbolos de clipes de vídeo do Flash. Para assistir a um vídeo sobre o uso do Flash e do Illustrator juntos, consulte www.adobe.com/go/lrvid4099_xp.

Também é possível usar o Device Central para visualizar a forma como a arte-final do Illustrator aparecerá no Flash Player em diversos dispositivos portáteis.

Colagem de arte-final do Illustrator

É possível criar arte-final com recursos gráficos avançados no Illustrator, copiá-la e colá-la no Flash de forma simples, rápida e integrada.

Quando a arte-final do Illustrator é colada no Flash, os seguintes atributos são preservados:

  • Demarcadores e formas

  • Possibilidade de dimensionamento

  • Espessura das linhas

  • Definições de gradientes

  • Texto (incluindo fontes OpenType)

  • Imagens vinculadas

  • Símbolos

  • Modos de mistura

Além disso, o Illustrator e o Flash oferecem suporte a arte-final colada das seguintes formas:

  • Quando camadas inteiras de nível superior da arte-final do Illustrator são selecionadas e coladas no Flash, as camadas são preservadas, juntamente com suas propriedades (visibilidade e bloqueio).

  • As cores não RGB do Illustrator (CMYK, em tons de cinza e personalizadas) são convertidas para RGB no Flash. As cores RGB são coladas conforme esperado.

  • Ao importar ou colar arte-final do Illustrator, você pode usar diversas opções para preservar os efeitos (por exemplo, sombras no texto) como filtros do Flash.

  • O Flash preserva as máscaras do Illustrator.

Exportação de arquivos SWF a partir do Illustrator

No Illustrator, é possível exportar arquivos SWF com qualidade e compactação correspondentes às dos arquivos SWF exportados do Flash.

Ao exportar, você pode escolher entre uma grande variedade de predefinições para garantir uma saída ideal; pode também especificar como lidar com várias pranchetas, símbolos, camadas, texto e máscaras. Por exemplo, é possível especificar se os símbolos do Illustrator serão exportados como clipes de filme ou gráficos. Você pode ainda optar por criar símbolos SWF a partir de camadas do Illustrator.

Importação de arquivos do Illustrator para o Flash

Se quiser criar layouts completos no Illustrator e depois importá-los para o Flash em uma só etapa, você pode salvar a arte-final no formato nativo do Illustrator (AI) e importá-lo com alta fidelidade para o Flash, usando os comandos Arquivo > Importar para Estágio ou Arquivo > Importar para Biblioteca do Flash.

Se o arquivo do Illustrator contiver várias pranchetas, selecione a prancheta que você deseja importar na caixa de diálogo Importar do Flash e especifique as definições de cada camada na prancheta. Todos os objetos na prancheta selecionada são importados como uma simples camada no Flash. Se você importar outra prancheta do mesmo arquivo AI, os objetos da prancheta serão importados como uma nova camada no Flash.

Quando você importa arte-final do Illustrator como um arquivo AI, EPS ou PDF, o Flash preserva os mesmos atributos da arte-final colada do Illustrator. Além disso, quando um arquivo importado do Illustrator contém camadas, você pode importá-las de qualquer uma destas formas:

  • Converter as camadas do Illustrator em camadas do Flash

  • Converter as camadas do Illustrator em quadros do Flash

  • Converter todas as camadas do Illustrator em uma só camada do Flash

Fluxo de trabalho com símbolos

O fluxo de trabalho com símbolos no Illustrator é semelhante ao do Flash.

Criação de símbolos

Ao criar um símbolo no Illustrator, a caixa de diálogo Opções de símbolo permite que você nomeie o símbolo e defina opções específicas do Flash: tipo de símbolo de clipe de filme (que é o padrão para símbolos do Flash), localização na grade de registro do Flash e guias de dimensionamento em nove fatias. Além disso, muitos dos atalhos de teclado para símbolos podem ser usados no Illustrator e no Flash (como F8 para criar um símbolo).

Modo de isolamento para editar um símbolo

No Illustrator, clique duas vezes em um símbolo para abri-lo no modo de isolamento, facilitando a edição. No modo de isolamento, somente a instância do símbolo é editável — todos os demais objetos da tela de pintura estão desativados e indisponíveis. Quando você sair do modo de isolamento, o símbolo no painel Símbolos e todas as instâncias dele serão atualizados de forma correspondente. No Flash, o modo de edição de símbolos e o painel Biblioteca funcionam de modo semelhante.

Propriedades e vínculos de símbolos

Usando o painel Símbolos ou o painel de controle, é fácil atribuir nomes a instâncias de símbolos, romper vínculos entre instâncias e símbolos, trocar a instância de um símbolo por outro símbolo ou criar uma cópia do símbolo. No Flash, os recursos de edição do painel Biblioteca funcionam de modo semelhante.

Objetos estáticos, dinâmicos e de entrada de texto

Quando você traz texto estático do Illustrator para o Flash, o Flash converte o texto em contornos. Além disso, é possível definir o texto no Illustrator como dinâmico. O texto dinâmico permite editar conteúdo de texto de forma programática no Flash e gerenciar facilmente projetos que exigem a tradução para vários idiomas.

No Illustrator, é possível especificar objetos de texto individuais como estáticos, dinâmicos ou de entrada de texto. Os objetos de texto dinâmico no Illustrator e no Flash têm propriedades semelhantes. Por exemplo, os dois usam um ajuste de espaçamento com efeito sobre todos os caracteres em um bloco de texto, e não sobre caracteres individuais; os dois suavizam o texto da mesma forma; e os dois podem ser vinculados a um arquivo XML externo contendo texto.

Esta obra está licenciada sob uma licença não adaptada da Creative Commons Attribution-Noncommercial-Share Alike 3.0  As publicações do Twitter™ e do Facebook não são cobertas pelos termos do Creative Commons.

Avisos legais   |   Política de privacidade online