Guia do Usuário Cancelar

Remover objetos de seus vídeos com o painel Preenchimento sensível ao conteúdo

  1. Guia do usuário do After Effects
  2. Versões beta
    1. Visão geral do programa Beta
    2. Página inicial do After Effects Beta
    3. Recursos na versão beta
      1. Painel Propriedades (Beta)
  3. Introdução
    1. Introdução ao After Effects
    2. Novidades no After Effects 
    3. Notas de versão | After Effects
    4. Requisitos de sistema do After Effects
    5. Atalhos de teclado no After Effects
    6. Formatos de arquivo compatíveis | After Effects
    7. Recomendações de hardware
    8. After Effects para Apple Silicon
    9. Planejamento e configuração
    10. Configuração e instalação
  4. Espaços de trabalho
    1. Itens gerais da interface do usuário
    2. Conheça a interface do After Effects
    3. Fluxos de trabalho
    4. Espaços de trabalho, painéis e visualizadores
  5. Projetos e composições
    1. Projetos
    2. Noções básicas da composição
    3. Pré-composição, aninhamento e pré-renderização
    4. Exibir informações detalhadas de desempenho com o Criador de perfil de composição
    5. Renderizador de composição CINEMA 4D
  6. Importação de gravação
    1. Preparação e importação de imagens estáticas
    2. Importação do After Effects e do Adobe Premiere Pro
    3. Importação e interpretação de vídeo e áudio
    4. Preparo e importação de arquivos de imagem 3D
    5. Importação e interpretação de itens de gravação
    6. Trabalhar com itens de gravação
    7. Detectar pontos de edição usando a Detecção de edição de cena
    8. Metadados XMP
  7. Textos e gráficos
    1. Texto
      1. Formatação de caracteres e o painel Caractere
      2. Efeitos de texto
      3. Criação e edição de camadas de texto
      4. Formatação de parágrafos e o painel Parágrafo
      5. Extrusão de texto e camadas de forma
      6. Animação de texto
      7. Exemplos e recursos de animação de texto
      8. Modelos de texto dinâmico
    2. Animações
      1. Trabalhar com Modelos de animações no After Effects
      2. Usar expressões para criar listas suspensas em Modelos de animações
      3. Trabalhar com propriedades essenciais para criar Modelos de animações
      4. Substituir imagens e vídeos em Modelos de animações e Propriedades essenciais
  8. Desenho, pintura e caminhos
    1. Visão geral de camadas de forma, caminhos e gráficos vetoriais
    2. Ferramentas de pintura: Pincel, Carimbo e Borracha
    3. Como afunilar traçados de forma
    4. Atributos de forma, operações de pintura e operações de caminho para camadas de forma
    5. Use o efeito de forma Deslocar caminhos para alterar formas
    6. Criação de formas
    7. Criar máscaras
    8. Remover objetos de seus vídeos com o painel Preenchimento com reconhecimento de conteúdo
    9. Pincel tipo rotoscópio e Refinar fosco
  9. Camadas, marcadores e câmera
    1. Seleção e organização de camadas
    2. Modos de mesclagem e estilos de camadas
    3. Camadas 3D
    4. Propriedades da camada
    5. Criação de camadas
    6. Gerenciamento de camadas
    7. Marcadores de camada e de composição
    8. Câmeras, luzes e pontos de interesse
  10. Animação, quadros-chave, rastreamento de movimento e chaveamento
    1. Animação
      1. Noções básicas de animação
      2. Animação com ferramentas Marionete
      3. Gerenciamento e animação de caminhos de forma e máscaras
      4. Animação de desenho e captura de formas usando o After Effects
      5. Ferramentas de animação diversas
      6. Trabalhar com animação orientada por dados
    2. Quadro-chave
      1. Interpolação do quadro-chave
      2. Definir, selecionar e excluir quadros-chave
      3. Editar, mover e copiar quadros-chave
    3. Rastreamento de movimento
      1. Rastrear e estabilizar movimento
      2. Reconhecimento facial
      3. Rastreamento de máscara
      4. Referência de máscara
      5. Velocidade
      6. Esticamento e remapeamento de tempo
      7. Timecode e unidades de exibição de tempo
    4. Aplicação de máscara
      1. Aplicação de máscara
      2. Efeitos de máscara
  11. Transparência e composição
    1. Visão geral e recursos da composição e transparência
    2. Canais alfa, máscaras e foscos
  12. Ajustar cor
    1. Noções básicas de cores
    2. Uso da extensão de temas do Adobe Color
    3. Gerenciamento de cores
    4. Efeitos de correção de cores
  13. Predefinições de animação e efeitos
    1. Visão geral das predefinições de animação e efeitos
    2. Lista de efeitos
    3. Efeitos de simulação
    4. Efeitos de estilo
    5. Efeitos de áudio
    6. Efeitos de distorção
    7. Efeitos de perspectiva
    8. Efeitos de canal
    9. Efeitos de geração
    10. Efeitos de transição
    11. O efeito Reparo do obturador de rolagem
    12. Efeitos Desfoque e Nitidez
    13. Efeitos de Canal 3D
    14. Efeitos de utilitários
    15. Efeitos de fosco
    16. Efeitos Ruído e Granulação
    17. Efeito Ampliação com preservação de detalhes
    18. Efeitos obsoletos
  14. Expressões e automação
    1. Expressão
      1. Noções básicas de expressão
      2. Entender sobre a linguagem de expressões
      3. Utilização de controles de expressão
      4. Diferenças de sintaxe entre os mecanismos de expressão Javascript e Legacy ExtendScript
      5. Edição de expressões
      6. Erros de expressão
      7. Utilização do editor de expressões
      8. Usar expressões para editar e acessar propriedades de texto
      9. Referência de linguagem de expressão
      10. Exemplos de expressão
    2. Automação
      1. Automação
      2. Scripts
  15. Vídeo imersivo, VR e 3D
    1. Criar ambientes de VR no After Effects
    2. Aplicar efeitos de vídeo imersivo
    3. Ferramentas de composição para vídeos VR/360
    4. Rastreamento de movimento de câmera 3D
    5. Trabalhar no Espaço de design 3D
    6. Gizmos de transformação 3D
    7. Faça mais com a animação 3D
    8. Visualização de alterações em projetos 3D em tempo real com o Mecanismo em tempo real
    9. Adicionar design responsivo aos gráficos 
  16. Exibições e visualizações
    1. Visualizar
    2. Visualização de vídeo com o Mercury Transmit
    3. Modificação e utilização de exibições
  17. Renderização e exportação
    1. Noções básicas de renderização e exportação
    2. Exportar um projeto do After Effects como um projeto do Adobe Premiere Pro
    3. Conversão de filmes
    4. Renderização de vários quadros
    5. Renderização automatizada e renderização de rede
    6. Renderização e exportação de imagens estáticas e sequências de imagens estáticas
    7. Utilização do codec GoPro CineForm no After Effects
  18. Trabalho com outros aplicativos
    1. Dynamic Link e After Effects
    2. Trabalhar com o After Effects e outros aplicativos
    3. Sincronizar configurações no After Effects
    4. Bibliotecas da Creative Cloud no After Effects
    5. Plug-ins
    6. CINEMA 4D e Cineware
  19. Colaboração: Frame.io e Team Projects
    1. Colaboração no Premiere Pro e After Effects
    2. Frame.io
      1. Instalar e ativar o Frame.io
      2. Usar o Frame.io com o Premiere Pro e o After Effects
      3. Perguntas frequentes
    3. Team Projects
      1. Introdução ao Team Projects
      2. Criar um Projeto de equipe
      3. Colaborar com o Team Projects
  20. Memória, armazenamento e desempenho
    1. Memória e armazenamento
    2. Melhorar o desempenho
    3. Preferências
    4. GPU e os requisitos de driver de GPU para o After Effects

Use este artigo para saber mais sobre como o painel Preenchimento sensível ao conteúdo pode ser usado para remover objetos indesejados do seu vídeo.

Remover um objeto ou uma área indesejada de um vídeo pode ser um processo demorado e complexo. Com o recurso Preenchimento sensível ao conteúdo, você pode remover todos os objetos indesejados como microfones, polos e pessoas de seu vídeo com algumas etapas simples. Desenvolvido pelo Adobe Sensei, esse recurso é sensível ao tempo, portanto remove automaticamente uma área selecionada e analisa quadros ao longo do tempo para sintetizar novos pixels originados de outros quadros. Quando você desenha uma máscara ao redor de uma área, o After Effects pode substituí-la instantaneamente por novos detalhes de imagem de outros quadros.

A ferramenta oferece a opção para ajudar a obter a mesclar perfeitamente o preenchimento com o restante da imagem. O painel de Preenchimento sensível ao conteúdo contém várias opções para ajudar a remover objetos indesejados e preencher áreas transparentes.

O painel Preenchimento sensível ao conteúdo

Para abrir o painel de Preenchimento sensível ao conteúdo, selecione Janelas > Preenchimento sensível ao conteúdo.

O painel Preenchimento sensível ao conteúdo

  • Alvo de preenchimento: esta é a visualização da área que o Preenchimento sensível ao conteúdo analisa. A área transparente é contornada em rosa.
  • Expansão de alfa: use para aumentar o tamanho da área de preenchimento. O Preenchimento sensível ao conteúdo não requer mascaramento preciso e pode oferecer melhores resultados quando a área incluir pixels fora do objeto que está sendo removido.
  • Método de preenchimento: escolha o tipo de preenchimento para renderizar:
    • Objeto: remove um objeto da gravação. Preenche a área transparente extraindo pixels dos quadros atuais e adjacentes. Remove um objeto da gravação. Calcula o movimento da cena atrás do objeto e usa o resultado para localizar valores de cor apropriados. Para obter os melhores resultados, use essa opção para substituir objetos em movimento, como carros em uma estrada.
    • Superfície: substitui a superfície de um objeto. Funciona de maneira semelhante ao Objeto, pois usa pixels dos quadros adjacentes, mas usa o movimento calculado na composição na rea transparente. Para obter os melhores resultados, use essa opção para superfícies estáticas e planas, como uma mancha em uma camisa ou uma placa em um edifício.
    • Mesclagem de borda: mescla os pixels adjacentes da borda. Preenche a área transparente ao amostrar pixels nas bordas da área transparente e mesclando-os, e renderiza rapidamente. Para obter os melhores resultados, use essa opção para substituir objetos estáticos em superfícies que não contenham textura, como texto no papel.
  • Correção de iluminação: ative essa opção para manipular as alternâncias de iluminação dinâmicas na gravação. Incorpore a correção de iluminação em preenchimentos para remover os objetos de forma limpa da gravação, em que a iluminação muda de quadro para quadro. É possível selecionar entre três intensidades de correção diferentes: Sutil, Moderada e Forte. Para obter melhores resultados, comece selecionando a intensidade Forte. Caso comece a adicionar muita correção à gravação, vá para a intensidade Moderada ou Sutil.
  • Intervalo: escolha entre renderizar uma camada de preenchimento somente para a área de trabalho ou para a duração inteira da composição. Ajustar à área de trabalho evita que o Preenchimento sensível ao conteúdo extraia o conteúdo de fora da área de trabalho.
  • Criar quadro de referência: cria um quadro da camada de preenchimento de quadro único e o abre no Photoshop. Use quadros de referência para ajudar o Preenchimento sensível ao conteúdo a saber a aparência que a camada de preenchimento deve ter. Por exemplo, se você tiver um vídeo com um plano de fundo complexo e o Preenchimento sensível ao conteúdo não for capaz de oferecer os resultados desejados, use as ferramentas no Photoshop, como Clonar e Correção, para criar um resultado melhor no quadro de referência. Uma vez concluído, gere uma nova camada de preenchimento. O Preenchimento sensível ao conteúdo transfere os pixels do quadro de referência aos novos quadros na camada de preenchimento. Para algumas tomadas, você pode criar vários quadros de referência em quadros em que há alteração de iluminação ou de ngulo da câmera. Observe que você também pode usar qualquer outro processo para criar camadas de quadro único para orientar o preenchimento sensível ao conteúdo. Além disso, o recurso respeita o conteúdo dessas camadas como guia. Este é um atalho para fazer isso.
  • Gerar camada de preenchimento: cria uma nova camada de preenchimento. Os progressos de renderização e de análise são exibidos na parte inferior do painel. O Preenchimento sensível ao conteúdo prioriza a análise e a renderização do quadro sob o indicador de tempo atual (CTI). Quando o preenchimento é renderizado, você pode mover o CTI para um quadro diferente para priorizar a esse quadro, o que pode ajudá-lo a decidir se os resultados estão corretos antes que toda a camada de preenchimento seja gerada.

Como usar o Preenchimento sensível ao conteúdo

O painel de Preenchimento sensível ao conteúdo inclui vários recursos para permitir a remoção precisa dos objetos indesejados do vídeo. Mas todos esses recursos podem não ser úteis em cada situação.

Aqui encontra-se um resumo das etapas que você precisa seguir para usar o recurso Preenchimento sensível ao conteúdo:

  1. Use qualquer método disponível para criar áreas transparentes na composição. Por exemplo, desenhe uma máscara em torno de um objeto ou uma área da composição que você deseja substituir, e ajuste-a para o modo Subtrair. Para saber mais sobre como criar máscaras, consulte Criar máscaras.

    Crie uma máscara em torno de um objeto
    Crie uma máscara em torno de um objeto

  2. Abra o painel Preenchimento sensível ao conteúdo com Janelas > Preenchimento sensível ao conteúdo.

  3. No painel Preenchimento com reconhecimento de conteúdo, selecione o Método de preenchimento e o defina o Intervalo que você deseja que o After Effects analise. Em seguida, clique em Gerar preenchimento, que gera preenchimento e adiciona uma camada na parte superior da camada selecionada no painel Linha de tempo. A camada contém sequências de imagens que o After Effects analisa enquanto gera a camada de preenchimento.

Correção de iluminação no Preenchimento com reconhecimento de conteúdo

Controle melhor as mudanças de iluminação na gravação com Preenchimento com reconhecimento de conteúdo aprimorado. Ele ajuda a remover objetos da gravação de maneira limpa, em que ocorrem mudanças bruscas de iluminação em toda a sua gravação, e obter resultados que parecem mais realistas sem artefatos perturbadores. Sem a correção de iluminação ativada, o Preenchimento com reconhecimento de conteúdo corresponde ao quadro de referência e não leva em consideração qualquer alteração de iluminação.

A correção de iluminação tem três intensidades:

  • Sutil: use quando as alterações de iluminação não forem muito dramáticas. 
  • Moderada: use quando as alterações de iluminação forem moderadamente dinâmicas.
  • Forte: use quando a gravação tiver alterações intensas de iluminação. 

O antigo Preenchimento sensível ao conteúdo (quando a correção de iluminação está desabilitada) corresponde ao quadro de referência e não leva em consideração as alterações de iluminação. É mais útil em gravações com iluminação consistente. O preenchimento com reconhecimento de conteúdo atualmente copia apenas informações locais de cada imagem e, em seguida, localiza alguns ajustes globais para ajustar essas informações ao quadro de destino. Ao usar a correção de iluminação em uma gravação que contém mudanças de iluminação, como sombras, realces, flashes de lente e alterações de exposição automática que não são lidas corretamente, a cor dos pixels copiados para o orifício não é a cor correta e o resultado não parece limpo.

Com esse recurso, você tem a opção de corrigir a iluminação de preenchimento no Preenchimento com reconhecimento de conteúdo como a camada de preenchimento real gerada. Isso elimina a necessidade de gerar várias camadas de preenchimento para corrigi-lo e é útil para alterações de iluminação e de cor. Quando a correção de iluminação está ativada, o Preenchimento com reconhecimento de conteúdo retorna uma camada de preenchimento que está totalmente integrada ao restante da gravação. Essa camada de preenchimento é mais clara, mas tem a mesma qualidade.

Isso não afeta a velocidade do desempenho sem a correção de iluminação. O fluxo de trabalho geral é mais rápido ao trabalhar com a gravação com iluminação variável, pois não é necessário realizar etapas adicionais para limpar os resultados.

Trabalhar com correção de iluminação

  • Comece pela análise da tomada. Veja as alterações de iluminação, o movimento e, em seguida, decida o que precisa ser mascarado.
  • Em todos os Métodos de preenchimento, não é necessário usar a correção de iluminação para a mesclagem de bordas.
  • Selecione Forte primeiro. Caso isso comece a adicionar muita correção à gravação, vá para Moderada ou Sutil.
  • Quando as configurações forem concluídas, clique em Gerar preenchimento.

Práticas recomendadas para trabalhar com correção de iluminação

Situações em que a intensidade Forte pode não funcionar bem são em gravações com condições de iluminação cintilantes, como fotos na grama ou na areia que refletem muita luz. A intensidade Forte pode corrigir as cores muito intensas, o que pode introduzir mais oscilações. Nesses casos, tente usar a intensidade Sutil ou Moderada.

Exemplos

Você pode usar os exemplos a seguir para ver como as configurações funcionam de maneiras diferentes em diferentes situações:

Exemplo 1: gravação com uma câmera em movimento

Mask out the ship from the footage After the ship is removed
  1. Use a ferramenta Caneta e desenhe uma máscara ao redor do barco. Para obter os melhores resultados, desenhe a máscara perto do objeto, mas deixe um espaço ao redor dele para que o After Effects possa fazer uma melhor análise dos quadros. Você pode usar as seguintes etapas para desenhar uma máscara simples:

    1.    No painel Linha de tempo, selecione a camada e, em seguida, selecione a ferramenta Caneta.

    2.    Clique em pontos-chave ao longo da forma que você deseja mascarar. Para fechar a máscara, clique novamente no ponto inicial.

    3.    Defina o ponto de máscara usando a ferramenta Seleção. Clique e arraste os pontos para ajustá-los.

    4.    Se desejar que a máscara tenha curvas refinadas, clique ao redor de cada ponto de máscara para ajustar a curva.

    5.    Depois que mascaramento for concluído, selecione Subtrair.

    6.    Por ser uma gravação em movimento, rastreie a máscara para que ela se move com o barco. Clique com o botão direito do mouse na camada de máscara e selecione Rastrear máscara. Para saber mais, consulte Rastreamento de máscara.

  2. No painel Linha de tempo, clique com o botão direito do mouse na camada e configure o modo de máscara para Subtrair. O After Effects cria uma área transparente no local do barco.

  3. Para abrir o painel de Preenchimento sensível ao conteúdo, selecione Janelas > Preenchimento sensível ao conteúdo.

  4. O painel mostra várias opções. Para obter uma lista detalhada das opções do painel, consulte O painel de Preenchimento sensível a conteúdo. Use as seguintes configurações:

    • Defina o Método de preenchimento para Objeto.
    • Defina o intervalo para Duração inteira.
  5. Clique em Gerar camada de preenchimento. O After Effects analisa cada quadro, preenche a área transparente e adiciona uma Camada de preenchimento ao painel Linha de tempo. A camada resultante contém a sequência de imagens que o After Effects analisou. O nome da camada indica o número de imagens na sequência.

Esse método de preenchimento é melhor usado em gravações com a câmera em movimento à medida que substitui o objeto completamente pelo que estiver atrás dele. Preenche a área transparente tirando pixels dos quadros atuais e adjacentes e resulta em um quadro de exibição perfeita.

Exemplo 2: gravação em que o segundo plano é uma superfície plana sem muitos detalhes

artboard_2_copy_31 artboard_11
  1. Use as três primeiras etapas na seção Exemplo 1 para mascarar as áreas a serem substituídas.

  2. Selecione Janela > Preenchimento sensível a conteúdo.

  3. Defina Método de preenchimento como Superfície e Intervalo como Área de trabalho.

  4. O Destino de preenchimento exibe a área transparente a ser preenchida. Clique em Gerar camada de preenchimento e deixe o After Effects renderizar os quadros.

Exemplo 3: trabalhar com sua gravação no Photoshop

Pode haver gravações em que o Preenchimento sensível ao conteúdo sozinho pode ser incapaz de obter os resultados desejados. Por exemplo, uma gravação com água ou áreas onde há luz e textura variadas. Nesses casos, você pode aproveitar as ferramentas do Adobe Photoshop, como o Carimbo, para ajustar sua gravação.

Observação:

É necessário ter o Photoshop instalado em sua máquina.

artboard_9 artboard_10

No exemplo acima, removemos a menina da gravação na qual o plano de fundo tinha luz e textura variadas.

  1. Siga as etapas no exemplo acima para mascarar a garota na gravação. Defina o Método de preenchimento para Objeto.

    Quadro com a menina removida usando máscarada
    Quadro com a menina removida usando máscarada

  2. Depois que você inserir uma máscara, use a opção Criar quadro de referência no painel Preenchimento sensível ao conteúdo.

    Clique em Criar quadro de referência
    Clique em Criar quadro de referência

  3. Para criar um quadro de referência, depois de criar uma máscara, selecione um quadro em que o objeto seja maior na captura. Neste exemplo, use o primeiro quadro. Clique no botão Criar quadro de referência para enviar esse quadro (com sua máscara) para o Photoshop. Um quadro de referência é uma imagem estática de quadro único pintada pelo usuário para mostrar ao algoritmo do Preenchimento sensível ao conteúdo quais pixels deverão preencher a área mascarada.

    Clicar em Criar quadro de referência depois de aplicar a máscara
    Clicar em Criar quadro de referência depois de aplicar a máscara

    Abrir quadro de referência no Photoshop
    Abrir quadro de referência no Photoshop

  4. Pinte o preenchimento da maneira que você preferir. Neste exemplo, use a ferramenta Carimbo para obter resultados mais refinados. Depois de fazer as edições, salve a gravação. Evite salvar a gravação usando a opção Salvar como. Sempre salve as alterações com o mesmo nome e local, caso contrário, o Photoshop criará um novo arquivo que não é referido diretamente pelo After Effects. 

    Reabra o After Effects, e o painel Preenchimento sensível ao conteúdo colocará o quadro de referência em uma camada abaixo da tomada original. Esta camada é atualizada com o seu trabalho de pintura salvo do Photoshop e preenche a máscara do objeto referente a esse quadro somente com seu Quadro de referência do Photoshop.

    Outra ferramenta que você pode usar é o Preenchimento sensível ao conteúdo do Photoshop.

    Para saber mais sobre as diferentes ferramentas do Photoshop, consulte Remover objetos de suas fotos com o Preenchimento sensível ao conteúdo e Retocar e reparar fotos.

    Camada do Quadro de referência no painel Linha de tempo
    Camada do Quadro de referência no painel Linha de tempo

  5. Clique no botão Gerar camada de preenchimento para renderizar o Preenchimento sensível ao conteúdo que referencia o quadro corrigido.

Configurações de preenchimento sensível a conteúdo

Para abrir a caixa de diálogo de Configurações do preenchimento sensível ao conteúdo, clique no ícone de menu (três barras) na barra de título do painel Preenchimento sensível ao conteúdo e escolha Configurações do preenchimento sensível ao conteúdo.

  • Profundidade de saída: a intensidade de cor, em bits por canal (8, 16 ou 32 bpc), usado para gravar arquivos de sequência de camada de preenchimento. Por padrão, a Profundidade da saída herda a intensidade de cores do projeto.
  • Local da saída: escolha onde o After Effects salva os arquivos de sequência da camada de preenchimento. Por padrão, os arquivos são salvos em uma pasta denominada Preenchimento na mesma pasta que o arquivo de projeto.
  • Tipo de caminho: o Relativo ao projeto salva os arquivos em um local relacionado ao arquivo de projeto. Absoluto especifica o caminho completo para a pasta.
  • Caminho: o caminho para a pasta. Para Absoluto, esse é o caminho completo para a pasta. Para Relativo ao projeto, isso especifica o caminho relativo ao arquivo de projeto. Um único ponto (.) no caminho representa a pasta onde o arquivo de projeto está localizado. Use dois pontos (..) para subir ou descer um nível.
  • Criar quadro de referência do Photoshop: salva os quadros de referência como um arquivo PSD, para abri-los no Photoshop. Habilitado por padrão. Se estiver desabilitado, salva o quadro de referência como um arquivo PNG (8 ou 16 bpc) ou EXR (32 bpc) e o abre no aplicativo padrão do sistema para esses tipos de arquivo.
  • Criar sequência do Photoshop para saída: salva sequências de camada de preenchimento como arquivos PSD. Desabilitado por padrão. Se estiver desabilitado, as sequências de camada de preenchimento são salvas como arquivos PNG (8 ou 16 bpc) ou EXR (32 bpc).
  • Gerenciar camada não usada de preenchimento automaticamente: quando uma nova camada de preenchimento é gerada, você será perguntado se deseja excluir a gravação da camada de preenchimento que não está sendo usada em uma composição. Desabilitado por padrão.

Excluir gravação de preenchimento não usada

Para excluir manualmente uma gravação da camada de preenchimento que não está sendo usada por uma composição, clique no ícone de menu (três barras) na barra de título do painel Preenchimento sensível ao conteúdo e escolha Excluir gravação de preenchimento não usada.

Aspectos e dicas importantes

  • É possível selecionar uma área em uma gravação usando qualquer método que crie transparência, incluindo:
    • Máscara
    • Pincel rotativo
    • Ferramenta Borracha
    • Método de aplicação de máscara, como o método Keylight
    • Aplicação de quadro chave
  • Se você tiver uma gravação 4k em uma composição HD, utilize sequências de vídeo que já foram reduzidas por meio da transcodificação para obter o melhor desempenho.
  • Remova itens mais complicados em seções. Por exemplo, você pode remover uma pessoa e sua sombra separadamente com mais eficiência do que teria ao remover ambos simultaneamente.
  • Máscaras menores demoram menos tempo para processar em comparação às maiores.
  • O recurso pode apresentar resultados diferentes para uma textura em movimento complexa, como água ou reas onde há luz e textura variadas.
  • Se a máscara for difusa, o Preenchimento sensível ao conteúdo mescla a região preenchida com o conteúdo original com base nesse valor alfa (semi-transparência). Isso é muito útil ao usar o painel; ele gera um limite visível entre a área preenchida e o conteúdo original
  • Gerar camada de preenchimento renderiza sequências de imagens inseridas na Linha de tempo. Esses arquivos podem ocupar espaço livre considerável em discos rígidos, dependendo do tipo de gravação e a duração da sequência.
  • Em alguns casos, o Preenchimento sensível ao conteúdo sozinho pode ser capaz de remover o objeto com precisão. Para melhorar resultados, crie um quadro de referência e edite-os no Photoshop e use as ferramentas do Photoshop para ajustar os resultados. 
  • Ao filmar uma gravação, considere o plano de fundo e o primeiro plano da composição para reduzir o tempo de edição durante a pós-produção.
Logotipo da Adobe

Fazer logon em sua conta